Viagens

Kingussie, no Reino (des)Unido

A primeira vez que fui à Escócia foi há muitos anos, numa excursão de uma semana ao Reino Unido/Grã-Bretanha. Essa viagem incluía também a Inglaterra e o País de Gales. Como viajava sozinha, optei por fazer uma viagem de autocarro organizada por uma agência, em que tudo é planeado, desde os hotéis às visitas aos museus, castelos e outros monumentos escolhidos por quem organiza. Há muita gente que opta por esse tipo de passeio porque os guias chamam-nos a atenção para lugares que, doutro modo, nos passariam despercebidos. 

This slideshow requires JavaScript.

Dos locais de que mais gostei, destaco Stratford-upon-Avon, onde visitámos a casa de Shakespeare. Não hesitei em juntar-me a uma longa fila para poder ver, embora de pé, a peça “A Midsummer Night’s Dream”. Foi inesquecível assistir à popular comédia do mais conhecido poeta inglês no ambiente do “Royal Shakespeare Theatre”.

Lembro a beleza da região “Distrito dos Lagos”, que inspirou poetas ingleses do Romantismo como William Wordsworth e Samuel Coleridge, cuja obra eu conhecia bem dos tempos de estudante de Literatura Inglesa, na Faculdade de Letras. Foi memorável ficar uma noite junto ao Lago Grasmere onde se proporcionou fazer um passeio de barco ao pôr do sol e admirar a beleza das “cottages” à beira do lago.

Como esquecer a famosa “loja do ferreiro” em Gretna Green onde, desde 1754, os noivos podem casar a partir dos 16 anos sem precisar de autorização. Como outros jovens em Portugal, achava ser aquele o lugar de sonho dos casamentos por amor.

Foi, no entanto, a cidade de Edimburgo que mais me fascinou. É muito romântica com o castelo no alto duma colina donde se tem uma vista panorâmica sobre a cidade.  Tivemos tempo e oportunidade de visitar o Palácio de Holyrood, a Catedral de St. Giles e a Galeria Nacional da Escócia. O hotel onde ficámos instalados, com saída para um lindo jardim verdejante, na parte antiga da cidade, fazia-me sentir princesa, dada a abundância de tapeçarias, mobiliário de épocas passadas e lustres de cristal. Parecia o cenário de um dos episódios das famílias da nobreza inglesa das séries da BBC. A cidade surpreendeu ainda pelas praças arborizadas e os jardins floridos.

Nessa primeira viagem à Escócia, faltou-me conhecer Glasgow e a região das Terras Altas. Fiquei também com pena de não ter ido ao lago Loch Ness, embora Kingussie, uma vila dessa região, fosse o meu desejo secreto.

Kingussie tem um grande significado para mim por ser o lugar de origem do clã Hamilton. Os escoceses Murray e Siriol Hamilton foram os primeiros alunos estrangeiros a quem dei explicações de português, no meu primeiro ano de estudante universitária, e isso foi determinante na escolha da minha carreira.

Voltei à Escócia para fazer a viagem que prometera aos dois. Acompanhada pela minha querida amiga Siriol, que regressara à sua terra natal depois de ter passado muitos anos em Portugal com o marido, a minha primeira visita foi ao cemitério. Tinha ido tarde demais para voltar a ver o Murray ainda com vida…

Pequenas excursões na vila e arredores causaram-me admiração pela beleza do lugar. Kingussie respira prosperidade e bem-estar. Devido à idade avançada, a minha amiga não me pôde acompanhar ao lago Loch Ness. As lendas do monstro que aí habita obrigam-nos a olhar para a profundeza das águas durante toda a viagem de barco. Mas o famoso Nessie não deu sinal de vida.

Gostaria de voltar à Grã-Bretanha para ver o misterioso monumento megalítico Stonehenge, na Inglaterra, assim como às ilhas míticas da Escócia que são ainda mais antigas. No Reino Unido, que visitei várias vezes desde jovem, poderão dar-se sérias mudanças num futuro próximo, devido ao dilema do BREXIT. Quem sabe se não voltarei a um Reino Desunido?

Manuela Marujo

Gostaria de ajudar um estudante da U of T a ir visitar um país de língua portuguesa?

Pode fazê-lo com um donativo (“tax donation deductible”).

www.donate.utoronto.ca/Marujo

Imagens cedidas por Manuela Marujo

Redes Sociais - Comentários

Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

VOTE JÁ

Faça a sua nomeação

Close
Close