Saúde & Bem-estar

Polén is in the air!

Como combater as alergias de primavera?

Primavera é sinónimo de dias mais compridos, temperaturas mais altas, roupa mais fresca… Mas também de espirros, tosse, comichão, olhos vermelhos e um grande número de pacotes de lenços gastos.
Por culpa do pólen que se espalha pelo ar nesta época, as temidas alergias surgem e ameaçam tirar alguma da beleza a esta estação.
Muito resumidamente, as alergias que surgem primavera são erros de leitura do nosso sistema imunológico – ele assume como inimigas algumas substâncias consideradas banais no quotidiano e faz com que o nosso organismo as repudie. Assim que o faz, os sintomas começam a surgir. Os mais comuns incluem:

  • Corrimento, obstrução e/ou prurido nasal;
  • Espirros;
  • Tosse, pieira, sensação de falta de ar e aperto no peito;
  • Olhos vermelhos e lacrimejantes e prurido ocular;
  • Pele muito seca, descamativa, com muito prurido, com lesões avermelhadas e, em casos mais graves, exsudativas.

Se não existir um tratamento apropriado a estas reações, o sistema imunológico tem tendência a tornar-se cada vez mais sensível e poderá começar a reagir com mais frequência, mais intensamente e em qualquer altura do ano.

Conselhos que valem ouro

Sigam estas dicas e vão ver que não haverá alergia que vos impeça de aproveitar esta tão bonita estação do ano!

Fechar a janelas

  • É importante manter as janelas e portas de casa fechadas, principalmente nos dias em que existe uma maior concentração de pólenes. Se utilizar ar condicionado para arejar a casa, assegure-se de que o filtro está limpo;
  • Manter os vidros do carro fechados para evitar a entrada destes pós. Condutores de veículos motorizados devem usar um capacete integral.

Casa anti-alergias

  • É muito importante que a vossa casa se mantenha limpa, de forma a evitar a acumulação de pós, que tanto agravam os sintomas;
  • Retirar tapetes e móveis com tecido;
  • Não se esqueçam dos vidros e das varandas! Se necessário, usem uma máscara quando estiverem a fazer limpeza dos mesmos;
  • A lavagem de roupa a temperaturas mais elevadas poderá ser uma boa opção visto que os ácaros não sobrevivem a temperaturas superiores a 60 graus;
  • A terra das plantas de interior deve ser coberta com gravilha, evitando a formação de bolores.

Alimentação é a base de tudo

  • Apostem na ingestão de alimentos ricos em vitamina C – por exemplo, o ananás, rico em bromelina, que é uma enzima capaz de aliviar a congestão nasal e irritação – e em ácido fólico – todas as leguminosas e produtos hortícolas verdes escuros, como são exemplo os espinafres e os brócolos – que ajudam na redução da inflamação associada a reações alérgicas.

Cigarro nem pensar!

  • Fumadores, fiquem a saber que o cigarro provoca agravamento dos sintomas – principalmente dos respiratórios! Um bom incentivo para, quem sabe, até começarem a deixar o vício…

Eliminar todos e quaisquer “vestígios” do corpo

  • Outra boa dica é mudar de roupa quando chegamos a casa. Assim, para além de eliminarmos o contacto com os pólenes, também não os espalhamos por todo o lado.
  • Um duche rápido à noite também elimina estes pós! Tente utilizar sabonetes e champôs neutros.

Se nenhuma destas dicas vos aliviar, existem sempre alternativas medicamentosas. Os anti-histamínicos são, normalmente, a medicação receitada a quem sofre de alergias. No entanto, estes devem ser tomados antes de dormir já que costumam provocar sonolência e diminuição da atenção. Existe ainda a opção da vacina antialérgica, administrada antes do início da estação, que tem como objetivo controlar a evolução desta condição, minimizar as queixas e a dependência de medicação. Em qualquer dos casos, é importante que consultem sempre um médico para que vos seja prescrito o tratamento mais adequado! Aproveitem a primavera!

Inês Barbosa


Autor(a):
Fonte:

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close