Saúde & Bem-estar

O que é que nos faz felizes?

O que é que nos faz felizes-canada-mileniostadium
Créditos: DR.

É bastante comum quando perguntamos a alguém o que é que o/a faz ou faria realmente feliz termos como resposta quase “standard” coisas como amor, felicidade, saúde… ou até dinheiro! No entanto, são vários os estudos realizados ao longo do tempo que tentam ir ao fundo da questão: afinal, o que é que nos traz a verdadeira felicidade? Segundo estas investigações, são na realidade as experiências mais simples – como por exemplo ser grato ou passar mais tempo com os amigos – que promovem uma perspetiva mais completa da vida.

Fiquem então com alguns hábitos – baseados em evidências científicas e em opiniões de profissionais – que prometem melhorar a vossa visão dos dias e ajudar a ter atitude mais positiva! É claro que também a felicidade se “trabalha”, portanto pratiquem estas dicas diariamente… ou sempre que possível!

Praticar a gratidão

A expressão “gratidão” tem estado na ordem do dia: em tempos como os que vivemos, cada vez mais nos apercebemos que devemos agradecer por tudo aquilo que temos, já que num segundo podemos, de facto, perder tudo. Para além disso, ser grato parece que traz mais benefícios do que “simplesmente” melhorar o nosso estado de espírito. Ao que parece, as pessoas que têm por hábito escrever algumas coisas positivas sobre o seu dia são mais saudáveis, mais enérgicas, menos stressadas e ansiosas e ainda conseguem dormir melhor!

Rodear-nos de pessoas positivas

É um facto: a felicidade é contagiosa! Um estudo realizado em 2008 descobriu que viver perto de uma pessoa feliz aumenta a nossa própria felicidade em 25%! Não é impressionante? Por isso já sabem, se por acaso se andarem a sentir mais em baixo, não guardem esse sentimento para vocês mesmos: procurem aquele/a amigo/a que geralmente tem uma atitude mais positiva! O nosso cérebro tem “neurónios-espelho” que vão literalmente imitar o que outra pessoa está a expressar! É por isso que é tão importante estarmos sempre perto daqueles que nos elevam e não daqueles que nos põem para baixo! 

Ser bondoso/a com regularidade

Mais dois resultados interessantes de algumas pesquisas realizadas: gastar dinheiro com os outros faz-nos mais felizes do que gastar dinheiro connosco próprios e levar a cabo pequenos atos de bondade aumenta a nossa satisfação perante a vida. E é tão fácil fazer alguém feliz!  

Segurar a porta para quem vem atrás de nós, doar roupa a um abrigo local, ajudar um vizinho com mais idade a tratar do jardim ou passar mais tempo com família e amigos são apenas alguns exemplos!

Sabiam que um estudo chegou à conclusão que a baixa interação social – e, consequentemente, a solidão – pode ser tão má para nós como fumar 15 cigarros por dia e é duas vezes pior para a nossa saúde do que a obesidade? Dá que pensar, verdade? 

Experiências acima dos bens materiais

Ao que parece, as pessoas demonstram sentir-se mais felizes quando gastam dinheiro em experiências em vez de objetos – é que conseguimos recordar aquilo que vivemos durante um período de tempo mais longo e o nosso cérebro tem a capacidade de reviver esses bons momentos, fazendo com que as nossas emoções positivas durem mais tempo.

Inês Barbosa/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER