FYI

Usar máscara com menos dor

O pequeno escoteiro canadiano Quinn Callander criou uma ferramenta para auxiliar os profissionais de saúde, através de uma impressora 3D. A ideia surgiu após descobrir que um hospital estava à procura de formas de evitar as dores causadas pelo uso contínuo de máscaras para evitar o contágio da Covid-19.

Quinn Callander

O jovem Quinn desenvolveu então protetores de orelha e imprimiu dezenas de modelos para doar ao hospital. De acordo com uma publicação no Facebook feita pela mãe do menino, “ele não só imprimiu dezenas destes ‘protetores de orelha’ para doar, como também tornou público o modelo que utilizou”.

Assim, qualquer pessoa vai poder imprimir os protetores feitos por Quinn em impressoras 3D em todo o mundo, conseguindo desta forma ajudar hospitais e profissionais de saúde independentemente do país onde viva.

Como funciona o acessório desenvolvido pelo escoteiro?

A principal reclamação dos profissionais de saúde era que as máscaras utilizadas, por ficarem presas na orelha do usuário, causavam uma fricção no local, gerando muita dor e incómodo quando utilizadas por longos períodos, como tem sido o caso.

O protetor de orelha desenvolvido por Quinn faz com que os elásticos das máscaras não sejam firmados na orelha, mas sim na própria peça que fica na parte de trás da cabeça. Com isso, médicos e enfermeiros podem trabalhar com tranquilidade sem sentir dor nas orelhas.

Além disso, é possível regular o tamanho através do próprio acessório, fazendo com que ele seja adaptável a qualquer tipo de pessoa.

Redes Sociais - Comentários

Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

Close
Close