FYI

Internet lenta?

Num mundo onde já não se vive sem ela, a internet faz de nós – não adianta dizerem que não – o que quer. Num caso como o meu, que quase a respiro diariamente, é frustrante quando a velocidade não corresponde à pressa dos meus dedos a bater nas teclas. Uso a internet para trabalhar e uso a internet a nível pessoal – mais concretamente, para falar com quem vive no outro lado do mundo.

Acho que não há um dia em que não diga “a tua internet está lenta”. Sim, a deles. A minha está sempre rápida (é a minha convicção, pronto). E agora deparei-me com a possível solução deste problema que deixa a minha falta de paciência em pulgas.

Vamos saber como?

Os objetos que prejudicam a rede wi-fi bloqueiam ou limitam a propagação do sinal de radiofrequência entre o router e os dispositivos que com ele comunicam sem fios, como smartphones, tablets ou computadores.

As ondas de radiofrequência são formadas por campos eletromagnéticos variáveis e atualmente vivemos num mar de ondas eletromagnéticas. As televisões, os rádios, os radares, os telemóveis, controlos remotos e mesmo linhas de transmissão de energia elétrica emitem estas ondas. Mas a própria luz do sol é uma onda eletromagnética. Quando uma dessas ondas encontra um obstáculo, parte da sua energia é absorvida pelo objeto que bloqueia a onda, outra parte atravessa-o e ainda outra parte pode ser por ele refletida. Se não for totalmente absorvida, a onda continua a propagar-se, mas de modo mais atenuado.

No exterior, bastam prédios compactos, árvores altas ou condições meteorológicas específicas – como chuva, nevoeiro ou luz solar mais ou menos intensa -, para afetar a propagação do sinal wi-fi.

Para minimizarmos as interferências dessa propagação dentro de casa ou num escritório, é essencial escolher um bom local para colocar o router e ter em atenção que devemos afastar do seu caminho tudo o que possa interferir com a qualidade e a velocidade de comunicação do seu sinal. Claro que conseguir uma interferência zero é praticamente impossível, mas há truques fáceis de aplicar para a reduzir ao mínimo, bastando para isso conhecer quais são os objetos e os materiais que afetam de forma negativa a sua rede.

1. MOBÍLIA GRANDE E COMPACTA

A ideia não é deitar mobília fora, mas podemos ter cuidado e não colocar o router nem atrás, nem dentro de qualquer armário ou peça de mobiliário.

2. PAREDES DE GESSO, CIMENTO E COBERTAS DE AZULEJO

Colocar o router na cozinha ou na casa de banho, se estas tiverem paredes de azulejo, ou numa despensa escondida, não é definitivamente uma boa prática. Estes materiais que revestem paredes de tijolo ou cimento formam uma barreira difícil de atravessar pelas ondas de radiofrequência.

3. JANELAS DE VIDRO COM FILTROS DE ISOLAMENTO

Se o vidro for duplo e tiver aplicados filtros térmicos e de isolamento sonoro, pode bloquear fortemente a propagação do sinal.

4. ESPELHOS E OUTROS OBJETOS COM METAL

A parte traseira dos espelhos em metal é a grande responsável pelo impacto negativo que um espelho causa na propagação do sinal. De todos os materiais, este é o que mais interfere no seu sinal.

5. APARELHOS SEM FIOS E ELETRODOMÉSTICOS

O melhor é afastar o router destes aparelhos e, se tiver muitos aparelhos a funcionar sem fios, talvez seja melhor comprar um router dual-band.

6. AQUÁRIOS

Quanto maior for o aquário mais vai bloquear o seu sinal. Isto por causa da quantidade de água que tem dentro. O sinal terá grande dificuldade em atravessá-lo. Isto porque o meio aquático, ainda que menos que o metal, é um dos materiais naturais que maior capacidade tem para absorver estas ondas.

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER

Close
Close