FYI

Desinfetante caseiro

Recomendável ou não?

A preocupação com a pandemia do coronavírus, Covid-19, não deve ser considerada um exagero. É preciso tomar cuidados com a higiene para nos precavermos contra o vírus que tem feito vítimas no mundo todo. Lavar bem as mãos e utilizar gel desinfetante são as principais medidas de prevenção. Com a inflação e até a falta de gel desinfetante nos supermercados, muitas receitas caseiras do produto começam a ser difundidas nas redes sociais e no Whatsapp. No entanto, a eficácia não é comprovada, alerta-nos o químico Marcos Halazs e também o Conselho Federal de Química (CFQ).

“O único produto eficaz no combate e que de facto tem ação efetiva é o álcool 70%. É comprovadamente eficaz e tem ação rápida, tanto nas fórmulas líquida quanto gel. As soluções caseiras são perigosas, porque as pessoas acreditam estar a proteger-se quando, na verdade, não. Vinagre e outros produtos também não tem comprovação alguma”, declarou Halazs.

O CFQ orienta a população a seguir as recomendações dos órgãos de saúde: lavar as mãos com água e sabão (durante 20 segundos) ou usar álcool em gel quando não for possível higienizá-las numa torneira. “Aqueles que não são profissionais e não tem pleno conhecimento dos potenciais riscos envolvidos, não recomendamos que realizem receitas caseiras”, diz o CFQ, enfatizando que muitos acidentes ocorrem com a manipulação de álcool, produto inflamável.

Além de lavar as mãos, é importante que as pessoas evitem coçar olhos e colocar a mão na boca, além de manterem distanciamento social para diminuir o risco de contaminação.

Redes Sociais - Comentários

Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close