FYIBlog

ANTHÉNEA

Um designer francês criou aquilo a que chama da “primeira suíte flutuante e ecologicamente correta”. Batizada de Anthénea, a invenção é uma cápsula circular, com espaço interno de cerca de 50 m², que tem tudo o que é necessário para passar alguns dias ao sabor das ondas, sem deixar de existir conforto.

 

 

Segundo o arquiteto naval Jean-Michel Ducancelle, criador do projeto, o design foi inspirado numa cápsula flutuante usada por James Bond numa cena do filme “007: The Spy Who Loved Me”. O projeto está em desenvolvimento há 15 anos.

Por fora a Anthénea parece-se com um disco voador branco, coberto por um domo. Por dentro há uma cama redonda com diâmetro de 2,2 metros, uma “banheira panorâmica” e uma sala de estar com um bar. Quem não quer ir já dar uma volta? Além disto tudo, ainda tem janelas grandes que permitem uma visão total do fundo do mar. O topo do domo pode ser levantado, revelando um “lounge” com sofá de 12 lugares e uma mesa central, para aquela cervejinha com os amigos, a ver um bonito pôr do sol.

Cinco painéis solares montados nas paredes externas do domo são responsáveis pela produção de energia elétrica e água quente, e o formato garante circulação forçada do ar, gerando um “ar condicionado” natural. Toda a automação interna é controlada através de uma aplicação num tablet.

Há sistemas dedicados para armazenamento de água de reuso e esgoto, e a cápsula só consome e liberta água limpa. O formato circular, baseado no princípio de tensão superficial, faz com que a Anthénea seja “impossível de afundar”, segundo a fabricante, e capaz de sobreviver mesmo a tempestades.

A Anthénea já está à venda por 535 mil dólares americanos. Uma equipa de designers pode customizar a decoração interna ao gosto do comprador, e também há versões configuradas como salas de reunião e espaços abertos para realização de eventos.

Vamos?

@Kika.pt

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

Close
Close