EntretenimentoBlog

Tensão

tensão-us-mileniostadium
Foto: DR

 

Brad Pitt e Angelina Jolie formaram um dos casais mais queridos de Hollywood durante mais de 10 anos, tendo-se separado em 2016, apenas dois anos após terem contraído matrimónio. Esta semana começou o processo que deverá colocar um ponto final definitivo na separação dos dois atores, e que se prende com a guarda dos filhos.

O ex-casal tem seis filhos em comum, Maddox, de 19 anos, Pax, de 16, Zahara, de 15, Shiloh, de 14 e os gémeos Knox e Vivienne, de 12. O filho mais velho, Maddox, fica de fora de qualquer decisão do tribunal no que respeita à guarda dos irmãos, por ser já maior de idade, estando atualmente a viver com a mãe.

Sobre este tema parece que só um dos atores pode sair plenamente satisfeito, já que Brad Pitt exige a guarda partilhada dos filhos (50% do tempo para cada um), enquanto Angelina Jolie pede a guarda total, alegando, entre outros motivos, os problemas de Pitt com o álcool.

No passado mês de junho, Angelina Jolie afirmou ter-se separado de Brad Pitt pelo “bem-estar” dos seus filhos, que afirmou serem “muito valentes e muito fortes”, tendo acrescentado que aquela “foi a decisão correta”. Para este último capítulo sobre a separação dos atores, os advogados de ambos convocaram mais de 30 testemunhas, entre as quais se encontram especialistas em violência doméstica, médicos, psicólogos, guarda-costas, amigos, ex-colegas de profissão e familiares. Há apenas um ponto em que ambos estão de acordo: nenhum dos dois quer que os filhos sejam chamados a testemunhar durante o processo.

Kika/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW