EntretenimentoBlog

Amazon

Jeff Bezos

amazon-us-mileniostadium
Jeff Bezos, fundador da Amazon. Crédito: DR

Jeff Bezos, fundador da Amazon, anunciou na tarde desta terça-feira, dia 2, que vai deixar o cargo de CEO na companhia no terceiro trimestre deste ano. A partir do próximo verão será Andy Jassy, que está atualmente à frente da Amazon Web Services, quem assumirá o cargo, mas Bezos vai manter-se na empresa como presidente não executivo.

Depois de a multinacional ter feito o melhor ano de sempre, devido à pandemia, Jeff Bezos terá tomado esta decisão para poder dedicar-se a projetos pessoais, como o seu projeto espacial, no qual investe há vários anos, através da sua empresa Blue Origin.   

“O papel de presidente executivo num lugar como a Amazon é um cargo que abarca tudo e deixa pouco tempo para outras coisas”, explicou Brian Olsavsky, diretor financeiro da empresa, numa entrevista ao New York Times, acrescentando que esta alteração “é mais uma restruturação sobre o papel de cada um”, para que Bezos se possa dedicar a outros projetos, especialmente à Blue Origin. 

De salientar que o fundador da Amazon, que tem atualmente uma fortuna avaliada em cerca de 190 milhões de dólares, deixa a liderança da empresa no melhor momento de sempre da multinacional, que teve um crescimento de 44% no volume de negócios no último trimestre de 2020, o que se traduz num lucro de 7,2 mil milhões de dólares, mais do dobro do que tinha alcançado no período homólogo do ano anterior.

Kika/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER