Temas de Capa

To serve and to protect (or maybe not)

To serve and to protect-canada-mileniostadium
Foto: DR

 

Caros leitores, 

Espero-vos bem. Mais uma semana volvida. Cá estamos…

Desta feita opinamos sobre quem supostamente nos deve proteger, ou não. Muita tinta tem corrido e sido derramada nestes últimos tempos no que diz respeito aos nossos policiais e forças de suposta proteção.

Então quando se forma um/a políciae quando presta juramento, sim porque tem de prestar juramento cívico  e moral, juram que nos vão proteger das forças do mal e, se necessário inclusive com a própria vida. Tudo muito certo , mas e quando se mistura racismo e xenofobismo a conversa já muda e muito de figura.

Em meses recentes e em plena pandemia, George Floyd foi assassinado  em pleno dia por um polícia enraivecido que após de o ter algemado lhe bloqueou a respiração com o joelho, durante vários minutos. Bem. Que dizer acerca disto?

Uma revolta tremenda a nível mundial de “Black Lives Matter”. Se lhe fosse mencionar casos de racismo entre negros com brancos, negros com negros, brancos com brancos, jamais sairíamos daqui.

Digo-lhe simplesmente que temos de contar com as nossas forças do bem “To serve and protect” e acreditar que muitos dos que nos prometem proteger efetivamente o fazem.

Mais não digo. Saúde e até breve se Deus quiser.

Cristina Da Costa/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW