Temas de Capa

Retoma de normalidade após a pandemia

Onde nos podemos reencontrar num futuro próximo?

Caro leitor,

Espero que esta semana tenha sido mais suave, mais tranquila…no meio de toda esta turbulência e loucura epidémica.

Esta semana perguntaram-me o que pensava desta fase menos boa que todos nós atravessamos e onde me via após a resolução ou terminus da pandemia.

Bom… dá que pensar, certo?

Onde estou ?

Tal como a vasta maioria, num mundo de incerteza, num vaivém de emoções… o não saber o que fazer, até o que dizer.

Complicadíssima e enredada esta teia onde nos colocaram. Por culpa de todos nós, por excesso de confiança em “mundos”’ alheios que, ao longo dos tempos, nos teimam em controlar.

Para onde vamos? Onde me vejo eu, mais concretamente, quando a pandemia atenuar ou findar?

Sinceramente, não disponho de respostas ou sabedorias concretas. Pura e simplesmente por ser tão humana e tão sensível como você, que lê este artigo.

Jamais vou dormir descansada. Sou uma eterna pensadora… penso acordada, até quando julgo que durmo.

O “nosso” Mundo ou semelhança do que nos foi “imposto” até há muito pouco tempo, jamais será igual. Foi criada uma sociedade mais alerta, desconfiada, atenta. Eu jamais pensarei que tudo será como antes. Jamais…

Há um ditado muito nosso – quando se pergunta a um de nós (portugueses) como estamos… a resposta costuma ser: “Ah tudo bem, uns bocadinhos a pé, outros a andar.”

Pois, agora a história muda mesmo de figura… já não estamos nem a pé, nem a andar…

Estamos todos parados numa estrada que nem indicação traz, nem manual de instruções. Cabe a cada um de nós, tentar perceber se avançamos pela estrada  principal, qualquer que seja, ou se nos aventuramos por um atalho.

Mas… lá diz o ditado… quem se mete em atalhos, mete-se em trabalhos.

Um momento de cada vez, com um sorriso nos lábios e esperança no coração. Este é o meu estado de espírito…

Votos de uma excelente semana.

Cristina da Costa/MS

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Não perca também
Close
Back to top button

DONATE NOW

Close
Close