Temas de Capa

O destino de férias ideal Santiago de Compostela

Muitos de nós têm uma bucket list de destinos de férias, locais que queremos visitar durante o nosso tempo de vida – queremos experienciar e conquistar esses sonhos tão desejados…

Eu sou uma dessas pessoas, que durante a sua vida adulta tentou viver e conquistar a sua bucket list de destinos ideiais. No entanto, a realidade demonstrou que mesmo com muito esforço e compromisso, por vezes, as coisas simplesmente não resultam. A minha bucket list inclui um cruzeiro de Vancouver até Anchorage Alaska, caminhar sobre icebergs, glaciares, ver baleias e as paisagens magníficas da costa da British Columbia até aos terrenos maravilhosos do Alaska. A viagem foi planeada durante mais de dois anos: os amigos juntaram-se em Vancouver por duas noites antes de embarcar, mas infelizmente na noite anterior o meu pai foi levado para o hospital para fazer um triple bypass e tive de cancelar. Apesar de todos terem aproveitado a viagem e de eu ter participado ao ouvir todas as histórias incríveis, sempre soube que tinha perdido para sempre essa oportunidade – ficou por cumprir. Uns anos mais tarde, o mesmo grupo de amigos do Arizona e da Dinamarca, planearam uma jornada incrível para Machu Picchu, no Peru, uma das maravilhas do mundo. Mais uma vez, à última da hora, tive de cancelar porque o meu pai estava frágil e faleceu poucos dias antes da minha partida. Esta viagem continua na minha bucket list e um objetivo que quero conquistar. A realização espiritual de Machu Pichu é sem dúvida algo que tenho de concretizar e experienciar…

De volta ao meu “destino de férias ideal”. Fui abençoado por ter tido a oportunidade de viajar por uma grande parte do mundo e planeio continuar a seguir a aventura para o resto da minha vida. Sim, viajar para Portugal será sempre um objetivo anual, porque apesar de pequeno em tamanho, Portugal oferece muito para ver, experienciar e explorar é, sem dúvida, um local abençoado, incrível e único. Contudo, de todos os locais para onde já viajei, o que sobressai como um destino ideal foram as três vezes em que caminhei partes do “Camino para Santiago de Compostela”. Fui abençoado com a oportunidade de ter feito partes do Camino em Itália, França e Espanha, onde fomos entrelaçados na experiência do “Nosso Camino”, visitámos vinícolas incríveis, cidades antigas e mosteiros sem fim, que foram agora convertidos a pousadas, onde ficámos naquela noite. Tudo tão único e memorável. Entre todas as memórias, risos, histórias entre o grupo que já que partilhámos a maior conquista, foi a realização espiritual, à medida que caminhávamos para Santiago de Compostela. Nunca irei esquecer e recomendo como uma experiência que todos devem ter. Depois de nove dias a caminhar e a partilhar histórias com os peregrinos de todas as esferas do mundo e de tantos lugares, aquele peso que sentimos quando descemos em Santiago de Compostela é simplesmente inesquecível. Por favor, retire tempo, pesquise e acrescente o “Camino de Santiago de Compostela” como parte do seu bucket list…

José M. Eustáquio

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close