Temas de Capa

O céu que nos protege

O céu que  nos protege-toronto-mileniostadium
Crédito: fredvictorcentre

Olá, muito bom dia,

Excelente sexta-feira para todos.  Espero-os bem.

Meio de março, quem me dera que este ano já estivesse a findar, pois ainda temos de ultrapassar ares e mares menos suaves. É o que é, e vale o que vale, como eu costumo dizer, mas que temos de continuar a ter coragem e paciência, ai isso temos. Nada de ilusões. Ainda não.

O Milénio Stadium desta semana coloca em cima da mesa algo muito inquietante que, alguns e quiçá muitos de nós, começando pelos nossos governantes, querem esquecer, ocultar e fazer de conta que não está realmente ali. Mas já não é de todo possível.  Muito pelo contrário, cada vez mais há falta de tecto e de condições para os sem-abrigo na nossa cidade. Na grande e majestosa cidade de Toronto, que em tempos já foi tema de grande orgulho, está a ficar cada vez mais difícil de ignorar.  Não sei de si caro leitor, mas toda e cada vez que ao conduzir passo por um desses “alojamentos” plantados no seio da nossa cidade em diversos parques recreativos e que, em tempos foram tão visitados pelos nossos concidadãos como é o caso e talvez o mais visível de todos no Bellwoods Park.

Triste imagem. Triste cenário. 🙁

Não deveria de ser permitido que nenhum ser humano vivesse debaixo de tal precariedade.  Famílias inteiras.  Como é possível?  Num país como o nosso, onde há de tudo em excesso? E cada vez mais excesso de carência a todos os níveis. 🙁

Difícil de entender. Faço o que posso e ajudo em silêncio. Mas não chega. Teríamos de nos unir e ajudar cada vez mais. Após a pandemia esta miséria humana está cada vez mais visível.  Tristeza é o único sentimento que posso emitir para vos deixar saber como esta situação me tem afetado a nível emocional.

Uma coisa é certa, algo tem de ser feito e muito em breve.  Após este rigoroso inverno que estamos prestes a deixar para trás, vem o melhor tempo e o aumento garantido destes acampamentos. Porque da forma que vamos a caminhar para o abismo, esta situação só tem tendência a aumentar.

Não feche os olhos. Ajude.  Aproxime-se. Reparta o seu pão com os mais necessitados.  Porque lá diz o velho ditado – Hoje tu, amanhã eu…

Até já, fiquem bem e cuidem-se.

Cristina Da Costa/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER