Temas de Capa

Mudam-se os tempos, as vontades e as leis também

Caros leitores. Espero-vos bem, com muita saúde e vontade de continuar. Não temos outra opção. Há que remar, remar até atracar o barco em bom porto. Mais uma sexta-feira. Meio de abril. Vamos então falar um pouco sobre o que afeta a nossa sociedade, nestes tempos de incerteza. Um tema muito real, como é o do ramo da imobiliária. Pouca oferta. Muita procura por casas na cidade. Será bem assim? Ou não estarão os grandes tubarões a tomar partido de uma pandemia que vem com certeza trazer agregada uma recessão? Perda de empregos. As casas a serem entregues e a banca a apoderar-se dos bens. A história repete-se de quando em vez. Grandes potências, grandes consequências.

Mudam-se os tempos, as vontades e as leis também-toronto-mileniostadium
Créditos: DR.

E se nós nos colocássemos do outro lado. Vamos lá, então.

Hipoteticamente falando, eu sou a Senhoria (que não sou), e você é o inquilino. Sempre pagou a renda. Por vezes com atrasos, mas pagou. Perdeu o emprego. Está a receber ajuda do governo ou continua a trabalhar, mas como o nosso Premier o Sr. Doug Ford (que de Sr. não tem mesmo nada) se lembrou de implementar mudanças na lei… você enquanto inquilino… não pode, não paga. Acha bem? É assim que se tratam as pessoas que também já investiram o seu dinheiro?

É o que é. Vale o que vale.

Também já fui rendeira. E nunca jamais faltei com um pagamento. Sabe Deus as dificuldades, mas assumi e cumpri. Deixo-vos uma pequena ideia do que se está a passar, no mercado imobiliário.

Baixa oferta + alta procura = valorização da habitação

A maioria dos mercados é impulsionada pela oferta e procura simples no seu núcleo, e o mercado imobiliário não é muito diferente. Em Toronto, a rápida valorização dos nossos condomínios tem estado inteiramente nas mãos de uma oferta estagnada e um crescimento exponencial da procura.

Oferta

Novos condomínios e residências – a oferta de moradias é medida com uma leitura mais fácil e de forma mais absoluta do que a procura. É, simplesmente, uma questão de quantas novas casas foram construídas / concluídas e acrescentadas ao mercado, em cada ano. Ao todo, por ano, mais de 30,000 novas casas são terminadas, na Grande Área de Toronto.

Procura

Os números de crescimento populacional apontam para 77.000, exclusivamente, na cidade de Toronto – não na GTA. Como dado adicional posso ainda dizer-vos que a imigração para a área da Grande Toronto é de 125.000.

Cuidem-se e cuidem dos outros.

Até já,

Cristina

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER