Temas de Capa

Carta aberta a todos nós…

Caro leitor ,

mais uma semana, mais privações e como está?

Espero que esta carta o encontre bem, física e psicologicamente.

Escrevo-lhe desde aqui, escrevo-lhe com a alma lúcida e pesada.

Escrevo-lhe com carinho e com uma inércia tremenda de nos movermos para além desta rasura em que se tornaram as nossas vidas.

Escrevo-lhe para lhe dizer que em todos os momentos, é importante praticarmos tudo o que é de mais sagrado para cada um de nós.

Essencialmente o amor próprio e o respeito pelo próximo. Escrevo para lhe dizer que melhores dias se alinham no horizonte de cada um de nós, e que a Fé, essa que move ate montanhas… não nos abandonará.

Escrevo para lhe dizer o quão difícil tem sido esta jornada de tudo e de nada… Esta retrospetiva diária do significado real ou, meramente banal, da nossa essência.

Escrevo para lhe dizer, que ando abalada, triste e a questionar-me com o que afinal vale mesmo a pena… Escrevo para lhe reiterar de que não esta só nesta batalha e que, quando se formar no horizonte um novo arco-íris, com toda a certeza iremos dar muito mais valor ao brilho das suas lindas e garridas cores.

Escrevo-lhe para lhe desejar só coisas boas, com toda a simplicidade que conseguimos encontrar e enfrentar estas nossas novas realidades.

Lição a ser deveras aprendida… para o bem de todos nós.

Caro Leitor…

Até à volta do correio.

Cristina da Costa/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Não perca também
Close
Back to top button

DONATE NOW