Portugal

Uma centena em vigília por vítimas de violência doméstica em Braga

Cerca de uma centena de pessoas juntou-se, esta noite de quarta-feira, numa vigília pelas vítimas de violência doméstica, na Praça da Justiça, em Braga, o local onde Gabriela Monteiro, funcionária do Theatro Circo, foi morta pelo ex-marido, há uma semana.

A iniciativa foi organizada por Anabela Ataíde, criadora do grupo no Facebook “Mulheres de Braga”, que já conta com a adesão de 6500 mulheres. “Sabemos que existe muita violência, não só de homens para mulheres, mas nada se altera e o assunto nem entra no debate político”, lamentou a bracarense, confessando que a plataforma nas redes sociais espera ser um local “de desabafo” e onde as vítimas poderão “pedir ajuda”.

 

Leia mais em JN

 


Autor(a):
Fonte:

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close