Portugal

Costa diz que portugueses foram “exemplares” durante o fim de semana

Costa diz que portugueses-portugal-mileniostadium
Portuguese Prime Minister Antonio Costa prepares to speak during a press conference regarding the measures in a draft presidential decree for a state of emergency to combat COVID-19. Portugal reached a new maximum daily number of recorded COVID-19 cases. EPA/TIAGO PETINGA

 

O primeiro-ministro, António Costa, elogiou o comportamento dos portugueses durante o fim de semana e diz estar a “preparar o futuro” do país.

O primeiro-ministro, António Costa, elogiou esta segunda-feira, os portugueses que, durante o fim de semana, “deram uma demonstração exemplar na forma como acataram a necessidade de limitar a sua circulação”, durante as tardes e noites de sábado e domingo.

Dado o elogio, durante a cerimónia de assinatura do acordo de colaboração na área da habitação no âmbito do programa “1.º Direito” para o Município do Porto, António Costa quis relembrar que “há e haverá vida além” da covid-19.

“Temos de sair desta crise não mais fracos mas mais fortes do que estávamos antes”, reiterou. Por isso mesmo, o primeiro-ministro deu nota de que o Programa de Recuperação e Resiliência, cuja negociação com a Comissão Europeia está a “andar a bom ritmo” servirá para “preparar o futuro”.

O plano, que “identifica vulnerabilidades que têm de ser prioritárias resolver para estarmos melhor preparados para enfrentar situações adversas como esta que estamos a viver”, aloca “mais de 250 milhões de euros” para intervir sobre as manchas de pobreza que existem nas Áreas Metropolitanas do Porto e Lisboa, num “programa especial” para estas duas regiões do país.

Além disso, prevê também “intervenções na empregabilidade, nas escolas, no combate às dependências”, na mobilidade e na habitação.

Quanto aos transportes, serão investidos 90 milhões de euros para renovar a frota dos autocarros nas Áreas Metropolitanas, com o objetivo de diminuir as emissões de CO2. No que toca à habitação, António Costa anunciou que, “nos próximos seis anos”, serão investidos 1251 milhões de euros em habitação social.

JN/MS

 

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER