Portugal

Bruxelas prevê queda da economia portuguesa de 9,8%

A Comissão Europeia agravou as suas previsões económicas para Portugal este ano face ao impacto da covid-19, estimando agora uma contração de 9,8% do PIB, muito acima da anterior projeção de 6,8% e da do Governo, de 6,9%.

Nas previsões intercalares de verão divulgadas esta terça-feira, o executivo comunitário reviu em baixa as projeções macroeconómicas, já sombrias, da primavera para o conjunto da zona euro e da UE, mas mostra-se particularmente mais pessimista relativamente a Portugal, ao agravar a projeção de recessão em três pontos percentuais, apenas parcialmente compensada em 2021 com um crescimento de 6,0% (neste caso ligeiramente mais otimista do que os 5,8% antecipados na primavera).

Bruxelas prevê queda da economia portuguesa - milénio stadium - portugal
Executivo comunitário reviu em baixa as projeções macroeconómicas para o conjunto da zona euro e da UE

O executivo comunitário espera então agora uma contração em Portugal acima da média da zona euro (-8,7%) e da UE (-8,3%), quando há dois meses estimava que ficasse abaixo, ao antecipar uma queda da economia portuguesa de 6,8%, contra 7,7% no espaço da moeda única e 7,6% no conjunto dos 27 Estados-membros.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW