Opinião

Fronteira com EUA e mais americanos a considerarem morar no Canadá

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, anunciou recentemente em 16 de julho de 2020 que funcionários do Canadá e dos EUA estenderão o fecho da fronteira entre os dois países até pelo menos 21 de agosto, com mais extensões possíveis. A fronteira continuará fechada para todas as viagens não essenciais. As viagens essenciais continuarão a ser permitidas e incluem remessas comerciais, trabalhadores essenciais e trabalhadores estrangeiros temporários. O fecho da fronteira (que foi introduzido a 18 de março de 2020) deveria expirar em 21 de julho.

 

Fronteira com EUA e mais-opiniao-mileniostadium
Ponte entre os EUA e o Canadá. Foto: DR

 

Mais uma vez, o Canadá e os Estados Unidos concordaram em estender as atuais medidas de fronteira por um mês até 21 de agosto, e continuaremos a trabalhar em estreita colaboração com os nossos vizinhos americanos para manter as pessoas seguras nos dois lados da fronteira”, anunciou Trudeau.

O anúncio do fecho contínuo da fronteira ocorre quando as taxas de casos Covid 19 continuam a subir nos EUA, enquanto o Canadá tem tido mais sucesso em baixar a curva da pandemia e as cidades começaram lentamente a reabrir em todo o país. No mês passado, o governo canadiano alterou as restrições da fronteira entre o Canadá e os EUA, afirmando que os membros imediatos da família de cidadãos ou residentes permanentes teriam autorização para entrar no país a partir de 9 de junho de 2020. O afrouxamento da proibição da fronteira é muito limitado e aplica-se apenas a “cidadãos estrangeiros que sejam familiares imediatos de cidadãos canadianos e residentes permanentes e que não possuam COVID-19 ou exibam quaisquer sinais ou sintomas de COVID-19”.

À medida que a pandemia de coronavírus continua a aumentar nos Estados Unidos, com mais de 3,7 milhões de casos confirmados e um número de mortes que ultrapassou 140.000, mais e mais americanos estão a pensar em se mudarem para o Canadá.

Eles estão preocupados com a taxa de mortalidade. Eles estão preocupados com o aumento de casos positivos em todo o país e estão a olhar para o Canadá como um porto mais seguro. Com o número de novas infeções e hospitalizações a subir a sul da fronteira, dizem advogados de imigração de ambos os lados nas últimas semanas, que viram um aumento efetivo de americanos a quererem mudar-se para o norte. São americanos que têm cônjuges no Canadá ou que têm noivos ou parceiros, ou que têm possíveis reivindicações de cidadania canadiana através dos pais.

Enquanto isso, as passagens de fronteira terrestre nos EUA estão a aumentar. De 6 a 12 de abril de 2020, os dados fornecidos pela Agência de Serviços de Fronteiras do Canadá mostram 107.795 viajantes que entraram no Canadá. Durante o mesmo período de julho, esse número subiu para 172.842 viajantes – um aumento de 60% em relação a três meses atrás, embora ainda haja uma queda de quase 90% em relação ao mesmo período do ano passado.

Acredito que a fronteira permanecerá fechada para viagens não essenciais pelo resto do ano. Mesmo após a abertura da fronteira, acho que essa é uma tendência que continuará indefinidamente. Para aqueles que não tem conexões familiares, é muito mais difícil obter autorização de trabalho no Canadá, mas não impossível.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW