Opinião

EUA: Política como nunca vimos

EUA: Política como-eua-mileniostadium

Ainda me lembro que, quando estava na universidade, nos cursos de ciências políticas se estudavam as opiniões expressas por grandes pensadores ao longo dos séculos. A presidência de Trump mudou a ciência política como a conhecemos até hoje. Professores que ensinam política relatam que, desde 2016, enfrentam uma polarização crescente entre os alunos – bem como seus próprios preconceitos.

É uma realidade que poucos hoje pensam que a democracia já não importa ao cidadão comum. Vemos como os políticos mobilizam discursos para atingir seus fins políticos e, no caso de Trump, ele tem feito declarações, seja no Twitter ou nos seus comícios, que demonizam ou difamam os seus oponentes. Com a tecnologia de hoje, é muito fácil ver um desses seus discursos em que ele emprega as suas táticas.

O que podemos dizer sobre o elemento de confiança, dado o conteúdo questionável das suas declarações? Dada a divisão política, como é que os americanos se veem hoje? Eles podem confiar nos seus políticos?

Muitos agora estão mais alerta à supremacia branca ou ao discurso fascista no seu país. Alguns analistas ressaltam as fortes divisões partidárias e o aumento da temperatura do discurso do cidadão comum, principalmente daqueles que apoiam publicamente Trump. É evidente que ele está a tomar decisões de política externa por causa da sua busca de gratificação por vaidade e por impulso.

Como alguém que assiste e lê notícias dos EUA, eu tenho visto que muitos comentadores de TV se referem a fontes duvidosas da Internet para justificar as suas opiniões sobre as circunstâncias atuais. A história do pensamento político do meu tempo na universidade concentrava-se nos escritos originais de filósofos antigos e medievais. Muitos dos estudantes de hoje que estudam política americana parecem estar a surgir com posições muito rebuscadas e estranhas, o que é novo, e eu associaria isso à era Trump. Como distinguir as fontes confiáveis das não confiáveis e desmascarar as lógicas duvidosas?

Isso poderia significar que a democracia tradicional pode estar nas suas últimas etapas? Como testemunhámos em vários países, os líderes eleitos podem erodir os sistemas democráticos ao ignorar as restrições ao seu poder. Eu diria que a fragilidade da democracia requer reafirmar a importância de normas antigas, como a responsabilidade do Presidente dos EUA de respeitar as liberdades civis e os oponentes políticos.

Independentemente de Trump permanecer ou não no cargo após a eleição de 2020, as divisões sociais podem não ser superadas tão cedo. Como muitos apontam, a polarização partidária vem-se aprofundando há décadas, e a ascensão de Trump ao poder pode ser apenas um sintoma de tendências sociais e políticas mais amplas.

Acho que é importante reconhecer que a política hoje em dia é emocional e leva a um comportamento hostil e divisionista. A ascensão de Trump ao poder pode ser apenas um sintoma de tendências sociais e políticas mais amplas.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW