Mundo

Tecnologia deixa crianças com dificuldades em segurar num lápis

O uso excessivo de tecnologia está a fazer com que as crianças cheguem à escola com dificuldade em segurar nos lápis, alertam especialistas britânicos.

O uso excessivo de gadgets como telemóveis ou tablets com ecrãs táteis está a fazer com os que músculos das mãos das crianças não se desenvolvam o suficiente para lhes permitir segurar em lápis de forma correta, explica o jornal “The Guardian”.

“As crianças não estão a chegar à escola com a mesma força nas mãos e destreza que tinham há dez anos”, explica a terapeuta pediátrica Sally Payne, salientando que faltam “capacidades fundamentais”. “Para conseguir segurar e mexer um lápis é preciso um controlo de pequenos músculos nos dedos”, explica.

Esta dificuldade está a fazer com que as crianças comecem a escrever mais tarde, uma tendência que está a causar preocupações em Inglaterra, revela a Associação Nacional de Escrita, que pede que o fenómeno seja estudado com precisão.

“Sem pesquisa, o risco é que estejamos a fazer muitas assunções sobre as razões pelas quais uma criança não consegue escrever e não intervenhamos quando existe uma causa relacionada com a tecnologia”, explica Melissa Prunty, uma terapeuta ocupacional.

Ainda que todas as escolas do país tenham no currículo a escrita à mão, o problema está no tempo que as crianças passam fora das aulas a usar este género de aparelho.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER