Mundo

Portugal opera novo voo de repatriamento na Venezuela

Portugal está a organizar, para 31 de julho, um novo voo para repatriar portugueses e outros cidadãos europeus que ficaram na Venezuela, após o encerramento, a 15 de março, do espaço aéreo venezuelano, devido à pandemia de covid-19.

O anúncio do novo voo de repatriamento, para portugueses com residência em Portugal, foi feito esta semana pelo Consulado Geral de Portugal em Caracas (CGPC), organismo que prestou assistência a 256 portugueses que foram repatriados da Venezuela, 181 deles a 13 de junho, num voo organizado por Lisboa.

Portugal opera novo voo de repatriamento na Venezuela
Consulado Geral de Portugal em Caracas emitiu documento em que indica que “o custo de cada bilhete de avião é de 821 euros”

“O CGPC informa que está a ser organizado um voo de regresso a Portugal, para o próximo dia 31 de julho, visando única e exclusivamente levar os cidadãos portugueses e outros cidadãos de países da União Europeia com residência legal e comprovada na Europa – que ficaram retidos na Venezuela devido ao encerramento do espaço aéreo venezuelano”, explica um comunicado.

LEIA MAIS EM JN

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW