Mundo

Partido Trabalhista aceita eleições antecipadas

Jeremy Corbyn, líder do principal partido da oposição no Reino Unido, o Partido Trabalhista (Labour), disse esta terça-feira que aceita a realização de legislativas antecipadas, uma vez que foi afastado o cenário de um Brexit sem acordo.

“Durante os próximos três meses, a nossa condição de excluir uma saída sem acordo está cumprida”, dado que a União Europeia (UE) aceitou adiar a saída do Reino Unido, disse Corbyn numa reunião com o “gabinete sombra” do partido.

O líder trabalhista prometeu lançar “a campanha mais ambiciosa e mais radical que o país alguma vez viu para uma verdadeira mudança”.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, viu na segunda-feira a sua proposta para eleições antecipadas a 12 de dezembro ser chumbada pelo parlamento e anunciou que voltaria a tentarhoje.

O Partido Trabalhista absteve-se na votação, em que a proposta do primeiro-ministro recebeu 299 votos a favor e apenas 70 contra, não atingindo o patamar exigido de dois terços dos votos da Câmara dos Comuns (434 deputados).

Boris Johnson anunciou então que o governo apresentaria ainda na noite de segunda-feira uma proposta de lei para serem convocadas eleições legislativas a 12 de dezembro, procedimento que apenas requer uma maioria simples.

A União Europeia aceitou na segunda-feira um novo adiamento do Brexit, até 31 de janeiro, oferecendo ao Reino Unido a possibilidade de abandonar mais cedo o bloco caso o parlamento ratifique o Acordo de Saída.

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

RESERVE O SEU BILHETE

Close
Close