Mundo

Mulher detida por ter atirado sete cães recém-nascidos para o lixo

Uma mulher foi detida depois de ser apanhada, pela câmara de vigilância de uma loja, a abandonar sete cães recém-nascidos no lixo, na cidade norte-americana de Coachella, na Califórnia.

A mulher de 54 anos de idade, Deborah Sue Culwell, foi detida esta segunda-feira, na sua casa, em Coachella. Segundo as autoridades, enfrentará sete acusações pelo crime de crueldade para com os animais.

Na sua residência tinha cerca de 30 cães, que, de acordo com John Welsh, do Serviço de Controlo Animal do município de Riverside, foram levados para um abrigo animal para serem adequadamente alimentados e cuidados.

As imagens capturadas pela câmara de vigilância da loja mostraram a mulher a sair de um jipe branco e a deixar o saco que continha os sete cães recém-nascidos, perto de um contentor de materiais recicláveis. De seguida, voltou para o jipe e foi embora.

Uma hora depois de serem abandonados, um homem que passava perto do local, pegou no saco e levou-o para uma loja próxima do sítio, segundo o jornal britânico “Daily Mail”.

De acordo com as autoridades, se não fossem encontrados nesse curto período de tempo, os cães poderiam não ter sobrevivido devido ao calor que se sentia, de aproximadamente 32 graus.

“Não há desculpa para abandonar cães. Especialmente nos dias de hoje, quando nós ou outros abrigos estaríamos dispostos a receber esses animais para pais adotivos ou parceiros de resgate. Foi um ato vergonhoso”, refere o comandante Chris Mayer, do Serviço de Controlo Animal.

Os cães atualmente encontram-se num abrigo de resgate no município de Orange, na Califórnia.

Jornal de Notícias

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close