Mundo

Irão alerta Europa para consequências de eventuais sanções sobre acordo nuclear

O Irão alertou esta terça-feira Berlim, Londres e Paris para “as consequências” da decisão de iniciar um processo de resolução de disputas no âmbito do acordo nuclear internacional iraniano de 2015, caso implique novas sanções ao país.

A França, a Alemanha e o Reino Unido acionaram esta terça-feira um mecanismo de resolução de disputas para forçar o Irão a cumprir os compromissos assumidos no acordo nuclear assinado em 2015, num processo que será supervisionado pela União Europeia.

“É claro que, se os europeus […] quiserem abusar [desse processo], devem estar preparados para aceitar as consequências, que já lhes foram enunciadas”, referiu o Ministério dos Negócios Estrangeiros do Irão, em comunicado divulgado esta terça-feira.

O ministério iraniano avisou que a resposta será “adequada e decisiva” e sublinhou que a República Islâmica está “totalmente preparada para enfrentar qualquer tipo de esforço construtivo para manter o importante acordo internacional”.

O chefe da diplomacia da União Europeia (UE), Josep Borrell, garantiu esta terça-feira que o processo não prevê a reposição de sanções a Teerão, assegurando que o objetivo é “resolver questões relacionadas com a implementação do acordo, no âmbito da comissão conjunta”.

Leia mais em JN

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER