Mundo

Google fez “contribuições substanciais” a negacionistas das alterações climáticas

A Google fez “contribuições substanciais” para alguns dos principais negacionistas das alterações climáticas em Washington, EUA, apesar de apoiar publicamente as ações políticas contra a crise.

A denúncia surge num artigo do jornal britânico “The Guardian”, que nota que, na lista que a empresa publicou no seu site com centenas de beneficiários das “contribuições mais substanciais” da equipa de Assuntos do Governo dos EUA e Políticas Públicas da Google, há mais de uma dúzia de organizações que “fizeram campanhas contra a legislação climática, questionaram a necessidade de ação ou procuraram ativamente reverter as proteções ambientais da era Obama”.

De acordo com aquele jornal, a lista inclui o Instituto de Empresas Competitivas (CEI), um grupo político conservador fundamental para convencer o Governo de Trump a abandonar o Acordo de Paris e que criticou a Casa Branca por não eliminar mais regras ambientais. A Google disse ter ficado dececionada com a decisão dos EUA de abandonar o acordo, mas continuou a apoiar o CEI.

 

Leia mais em JN

 


Autor(a):
Fonte:

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close