Mundo

Estudante universitário estava morto há dois meses no quarto

Preocupações sobre a segurança e saúde dos alunos na Universidade de Canterbury, em Christchurch, Nova Zelândia, aumentaram, depois de um jovem ter sido encontrado morto no quarto da universidade. Estava lá há cerca de dois meses, sem ninguém se aperceber.

O corpo do rapaz foi encontrado, na segunda-feira à noite, depois de vários alunos se queixarem do cheiro que vinha daquele quarto, na residência Sonoda.

Segundo a comunicação social local, foram os alunos que chamaram a polícia, que também já tinha sido alertada pelo pai do jovem, já que não o conseguia contactar há algum tempo. Ainda não se sabe a causa da morte, mas a segurança e cuidado com os alunos daquela instituição foi posta em causa.

 

Leia mais em JN

 

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER