Mundo

Cidade de Wuhan “bloqueada” e sem transportes devido ao coronavírus

A cidade de Wuhan, na China, onde começou o coronavírus e que já matou 17 pessoas, vai estar “fechada”. Os transportes públicos como os autocarros, o aeroporto e as estações de comboio vão estar suspensos temporariamente.

O comando de emergência da cidade anunciou que o sistema de transportes públicos, incluindo autocarros, comboios e metros, vai ser suspenso a partir desta quinta-feira. Ainda não é possível determinar quando a suspensão será levantada. Também o aeroporto não irá efetuar partidas ou chegadas.

As autoridades aconselharam os moradores de Wuhan a quem não saiam da cidade. Estas são algumas medidas tomadas para evitar a propagação do coronavírus, que já fez pelo menos 17 mortos e terá infetado mais de 500 pessoas.

A Organização Mundial de Saúde (OMS), que realizou uma reunião de emergência esta quarta-feira, afirmou que o vírus ainda não é considerado uma emergência global de saúde pública. As conversações da OMS sobre o assunto vão continuar esta quinta-feira.

“A decisão para declarar ou não uma emergência global de saúde pública é algo que levo muito a sério e só estarei preparado para fazer essa consideração com mais informação”, disse o diretor da Organização Mundial de Saúde, Tedros Adhanom.

Jornal de Notícias

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

RESERVE O SEU BILHETE

Close
Close