Mundo

Boris Johnson decreta confinamento obrigatório no Reino Unido

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, impôs esta segunda-feira um confinamento obrigatório dos britânicos em casa, da qual só poderão sair para fazer compras de bens essenciais, numa tentativa de reduzir a propagação da Covid-19.

“Tenho de dar aos britânicos uma instrução muito simples: têm de ficar em casa”, disse, numa comunicação ao país transmitida pela televisão.

De acordo com o governo, os britânicos só deverão sair para fazer “compras de bens essenciais o menos frequentemente possível, uma forma de exercício por dia, como correr, andar ou andar de bicicleta, sozinho ou com membros do agregado familiar, por necessidade médica ou para ajudar uma pessoa vulnerável e para ir para o emprego, mas só quando for necessário”.

Johnson encorajou as pessoas a recusarem encontrar-se com amigos ou com familiares que não vivem na mesma casa nem a sair de casa para fazer compras que não sejam bens essenciais, como comida ou medicamentos, usando entregas ao domicílio quando possível.

“Se não cumprirem as regras, a polícia terá os poderes para as executar, incluindo através de multas e dispersando ajuntamentos”, avisou.

Leia mais no JN

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW