Mundo

Bispo venezuelano alerta: “ou morremos do coronavírus ou de fome”

D. Polito Rodriguez Méndez, bispo de San Carlos, a cerca de 250 quilómetros de Caracas, na Venezuela, afirma que “o país entrou num período de fome”, e reconhece que “as coisas pioram todos os dias”.

“Não há suprimentos, funcionários motivados, comida. O país está a desmoronar-se. Precisamos de pedir ajuda humanitária internacional porque, caso contrário, não temos outra alternativa: ou morremos do coronavírus ou morremos de fome”, disse D. Polito Rodriguez Méndez à Fundação Ajuda à Igreja que Sofre.

Bispo venezuelano alerta - milenio stadium - venezuela
O bispo, responsável pela Diocese de San Carlos há quatro anos, afirma que a Igreja também vive tempos muito difíceis

O bispo de San Carlos explica que o Produto Interno Bruto “está abaixo de zero” e é o reflexo de uma “economia paralisada”, num país onde “não há indústria nem trabalho na agricultura”. “Os mais afetados são os mais pobres, os que não têm nada para comer e não tem possibilidade de levar uma vida digna”, assinala. Assim, D. ​​​​​​​Polito Rodriguez Méndez frisa que precisam de “ajuda do exterior” para “dar algo para comer pelo menos uma vez por semana” às pessoas mais pobres.

LEIA MAIS EM JN

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

Close
Close