Local

Vintage shaving razors

A BLAST FROM THE PAST

How are you fixed for blades?” 1950’s Gillette slogan, by a singing parrot.

A cutthroat open razor or simply straight razor is a type of razor whose blade can fold into its own hollow handle. History reveals that the first steel straight razors were manufactured in England, particularly Sheffield in 1680. After the initial introduction in 1680, it quickly became the major method of shaving manually and lasted for more than 200 years to the middle of the twentieth century. Since the 1950’s, electric razors have reduced the use of straight razors.

The 2012 James Bond movie, “Skyfall”, featured the use of a straight razor and as a result their use skyrocketed. King C. Gillette manufactured a double-edged safety razor that could have the blades interchanged and this caused real damage to the straight razor market. Gillette’s blades were not able to be sharpened, rusted quickly, and were meant to be single use only. It was safer to shave with a safety razor and, as a result, the number of barbers providing manual shaves decreased, while self-shaving increased! Win! Win for King Gillette. To the day, the company continues to sell low cost handheld shavers with one or two initial blades. Replacement packs of 5-6 individual blades, retail for $40-$60 per pack. The width and length of the blade, the handle, the pivot, the blade grind, the finish, and polish of blade, contributes to the design, value, and efficiency of each straight blade.

 

 

I will briefly describe the construction of a straight razor, followed by photos of razors in my private collection. Straight razors are fitted with a single blade sharpened on leading edge then connected to a handle by means of a pin. Once this attachment has been completed, the blade swings in and out of its handle. Two types of materials used for blades are carbon steel or stainless steel. The latter is difficult to hone, however will not show signs or effects of corrosion. On the other hand, carbon steel is simpler to hone, however, will corrode. Blank blades are manufactured through forging, then the steel is hardened through different processes, tempered, and finally ground to their required degree of blade geometry. Blade width, blade height, and degree of hollowness are classifications used to categorize different types of straight razors. My personal favourite is a Hollow Grind, which produces a very thin blade, by removing more side wall from each blade. It also flexes at a greater rate and offers more efficient cutting of hairs. ln other words, one can feel each hair being cut through the handle. Blade width is merely the physical measurement of the back of the blade to the leading edge of the cutting edge. Blade weight refers to the amount of pressure applied during shaving. Blade weight is inversely proportional, the heavier the blade, the lighter the pressure that has to be applied during the shaving process.

Most of the straight razors in my collection were manufactured by Zwilling J.A. Henckels of Solingen, Germany. The company was founded by Peter Henckels on June 13, 1731. “Zwilling” means “Twin” in German. ln 1771, Johann Abraham Henckels, Peter’s son was born, and the company was renamed in his honor, using his first two initials and surname. The collection also includes Razors from the U.S.A., Russia, and Italy.

1. J.A. Henckels Friodur 472 ½ Zwillingwerk straight razor, stainless steel, Solingen, Germany. Original box and packaging included.  5. Rudolf Schmidt “Bambola”, fabricated in Solingen, Germany. Packaged and labelled for the Italian market. Originally box and packaging included. 3. Suzumasa “AA” stainless steel Japanese straight razor. Original box and insert included. 8. Rare “Pilatus Stahl” Englesswerk 7 day set of straight razors, each individually engraved with “Day of Week”, includes additional engraved and decorated blade. Solingen, Germany. Original storage box and dividers are shown in photos.


in english

Lâminas de barbear vintage

“Quanto gosta de lâminas?” o slogan da Gillette em 1950, dito por um papagaio a cantar.

As navalhas são o tipo de lâmina que se dobra para dentro do seu próprio cabo oco. A história revela que as primeiras navalhas com lâmina de aço reta foram feitas em Inglaterra, particularmente em Sheffield em 1680. Depois da introdução inicial em 1680, estas navalhas tornaram-se o método mais usado para se barbear manualmente e duraram mais de 200 anos, até meados do século 20. Desde 1950, as máquinas de barbear elétricas têm reduzido o uso das navalhas.

Em 2012, no filme do James Bond, “Skyfall”, foi usada uma navalha e desde então o seu uso tem aumentado rapidamente. King C. Gillette fabricou uma navalha com lâmina segura de dois lados que poderia ter as suas lâminas trocadas e isto causou um dano real e direto no mercado de navalhas. As lâminas da Gillette não podiam ser afiadas, ganhavam ferrugem rapidamente e eram descritas como sendo para uso único. Era mais seguro barbear com uma navalha de lâminas seguras e, como resultado, os barbeiros que forneciam cortes manuais com navalhas viram o seu número de clientes descer, enquanto que os cortes feitos em casa feitos pelos consumidores das novas lâminas subiram! Vitória!

Vitória para King Gillette. Até aos dias de hoje, a companhia continua a vender as suas lâminas com uma ou duas lâminas de oferta no pacote. Lâminas substitutas podem ser adquiridas em pacotes de cinco ou seis lâminas individuais pelo valor de $40 a $60. A largura, a altura, o cabo, a cabeça giratória, a grelha das lâminas, o acabamento e o polimento das lâminas contribuem para o visual e eficácia de cada lâmina reta.

Irei descrever a construção de uma lâmina reta, acompanhada com fotografias da minha coleção privada. As lâminas retas são encaixadas com uma única lâmina afiada no canto líder e então conectadas ao cabo pelo meio de um encaixe. Após este encaixe ter sido feito, a lâmina balança dentro e fora do seu cabo. Os dois tipos de materiais usados para lâminas são o aço de carbono ou o aço inoxidável. A última é difícil de afiar, mas não mostra sinais ou efeitos de corrosão. Por outro lado, o aço de carbono é mais fácil de afiar, mas irá enferrujar, ao contrário do aço inoxidável.

As lâminas novas são forjadas no seu fabrico, e depois o aço é endurecido através de diferentes processos, temperadas, e finalmente são levadas à sua temperatura ideal requerida para a geometria da lâmina. A largura da lâmina, a sua altura e o seu grau de afiação são classificações usadas para categorizar diferentes tipos de lâminas retas. A minha lâmina favorita é a Hollow Grind, uma marca que produz uma lâmina extremamente fina, removendo mais cantos inutilizados das paredes de cada lâmina. Também são mais ajustáveis e são mais eficientes no corte da barba. Por outras palavras, trata-se de uma lâmina que pode fazer sentir o corte de cada pelo através do cabo da mesma. A largura da lâmina é apenas a medida física da parte traseira da lâmina até à sua parte afiada. A altura da lâmina está relacionada com a quantidade de força aplicada durante o corte.  A altura é inversamente proporcional, pois quanto mais pesada for a lâmina, mais leve é a pressão que têm que ser aplicada durante o processo.

A maioria das lâminas retas da minha coleção foram manufaturadas por Zwilling J.A. Henckels de Solingen, Alemanha. A companhia foi fundada por Peter Henckels no dia 13 de junho de 1731. “Zwilling” significa “gémeos” em alemão. Em 1771, Johann Abraham Henckels, filho de Peter, nasceu e a companhia foi renomeada em sua honra, usando as duas primeiras iniciais e o seu último nome. A coleção também inclui lâminas dos Estados Unidos da América, Rússia e Itália.

1. Lâmina reta da J.A. Henckels Friodur 472 ½ Zwillingwerk, aço inoxidável, Solingen, Alemanha. Pacote original e embalagem incluídos. 2. Rudolf Schmidt “Bambola”, fabricado em Solingen, Alemanha. Pacote e etiqueta para mercado italiano. Caixa original e pacote incluídos. 3. Lâmina reta japonesa de aço inoxidável da Suzumasa “AA”. Caixa original e inserção incluídos. 4. Pacote raro “Pilatus Stahl” Englesswerk de lâminas retas para sete dias, cada uma com o “Dia da Semana” gravado individualmente, inclui uma lâmina gravada e decorada. Solingen, Alemanha. Caixa original e divisores como mostrado nas fotografias.

AII photos are from Armando Terra Collection.

Armando Terra

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW