Local

Toronto Outdoor Adventure Show

Um desafio para aventureiros

É o maior evento de atividades ao ar livre do Canadá e aconteceu durante o fim de semana de 21 a 23 de fevereiro, em Toronto. O Toronto Outdoor Adventure Show trouxe centenas de propostas de atividades, percursos, viagens e muito mais, de vários pontos do Canadá e do mundo.

A representar Portugal no evento esteve a Portugal Outdoor Alliance, da qual é sócio fundador Paulo Lopes: “A aliança é formada por três empresas especialistas em caminhadas, biking e hiking, em Portugal, que trabalham em diferentes regiões do país e juntaram-se para fazer uma promoção conjunta no estrangeiro. Desta forma podemos ter uma melhor oferta”. Parte desta aliança é a empresa Portugal Green Walks, que propōe experiências turísticas para quem quer desfrutar do país de uma forma diferente. “No fundo o que propomos são férias ativas, em que as pessoas têm uma experiência junto das pessoas locais. Estas férias interessam normalmente a pessoas que cuidam do corpo, que gostam de se manter em forma. E com isto vão conhecendo uma região devagar, conhecendo as tradições e as vilas por onde passam. No fundo é conhecer em profundidade o que é o território português”, explica Paulo Lopes. Sabemos que Portugal é pequeno em tamanho mas enorme em riqueza. E se assim é, quais serão os programas mais procurados e populares? “Diria que, no Norte, o programa mais popular é o Caminho de Santiago. São duas semanas de caminhada ou uma semana de bicicleta. É a rota mais procurada no mundo inteiro. O programa mais apetecido no Norte é no Vale do Douro, onde podem ter uma combinação de caminhada com visitas a quintas, produtoras de vinho, passeios de barco e ter uma paisagem deslumbrante com vinhas por todo o lado. Na zona centro temos as Aldeias do Xisto e a zona da Serra da Estrela. Mais a sul temos a Rota Vicentina e depois algumas cidades no meio do Alentejo, também muito interessantes de visitar”.

Além de vários pontos do mundo, o Toronto Outdoor Adventure Show trouxe ainda uma grande variedade do que há de melhor a nível nacional. Uma das propostas passou pelos Northwest Territories. Joel Walton, diretor de marketing do projeto Spectacular Northwest Territories, contou-nos sobre as maravilhas locais: “The main draw really is for people to come and see the aurora borealis. We’re one of the best places in the world to see it. On top of that, we have some amazing lands and the indigenous cultures, mountains, national parks and we have the Virginia Falls that is twice the size of Niagara Falls, so it’s a pretty impressive part of the world. There’s thousands of lakes and incredible waterways. And if you come in the middle of June, for example, the sun doesn’t really go down. We get about two hours of darkness. So, at midnight you can go out and play golf, because it’s beautiful and bright and sunny. But if you come, let’s say, in January, you get about four hours of light, so it’s dark most of the time. But that’s amazing, because the sky is alive with the auroras, so there is never a dull moment”.

Este emocionante evento de três dias ofereceu uma variedade de exposições e recursos interativos que nos deixaram cheios de vontade de planear a próxima aventura!

Telma Pinguelo/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER