CanadáGTA

Fernando Pessoa visto por ilustradores em exposição itinerante no Canadá

Fernando Pessoa visto por ilustradores em exposição itinerante no Canadá

Uma exposição itinerante com o trabalho de ilustradores portugueses e canadianos sobre Fernando Pessoa pode ser vista até dia 23 de Universidade de Toronto, no Canadá, partindo depois para a Universidade de York.

A exposição tem o título “Pessoa Unveiled/Pessoa Desdobrado/Pessoa Dépliée” e, segundo a organização, “pretende trazer até aos canadianos as muitas e diferentes camadas representativas da identidade portuguesa e da cena de arte contemporânea.”

O evento tem a curadoria de Raquel Vilhena e é uma organização da Coordenação do Ensino Português – Canadá, do Instituto Camões e do Programa de Português da Universidade de Toronto.

Raquel Vilhena disse à Lusa que a exposição é sobretudo “de ilustradores portugueses, com o ocasional convite estendido a artistas canadianos, que vão à descoberta da obra de Pessoa de forma a decifrar o seu ADN literário e criar uma obra que identifique a vida ou a obra do poeta.”

Entre os ilustradores participantes, encontram-se, por exemplo, João Vaz de Carvalho, Eunice Rosado, Hélder Oliveira, Ricardo Campos, Vasco Gargalo, Rita Ravasco ou Rachel Caiano.

“Pessoa Desdobrado é um projeto em contínuo crescimento. Começou com um pequeno grupo de ilustradores portugueses convidados e tem vindo a crescer. Mais recentemente, juntou-se ao projeto o artista português Miguel Barros com uma peca interpretativa dos heterónimos de Fernando Pessoa”, disse a curadora.

A exposição pôde ser vista pela primeira vez na Câmara Municipal de Toronto, a 10 de junho do ano passado, para celebrar o Dia de Portugal, Camões e das Comunidades Portuguesas. Já este ano, esteve na cidade de Winnipeg e na província de Manitoba.

Agora na Universidade de Toronto, a exposição vai incluir a 19 de setembro uma palestra sobre Fernando Pessoa, pelo professor José Pedro Abreu Ferreira, da Universidade de Otava, e uma visita guiada à exposição com Raquel Vilhena.

A exposição parte depois para a Universidade de York, onde poderá ser vista entre 06 de novembro e 06 de dezembro.

“Na esperança que este projeto singular continue a abrir as portas do conhecimento na divulgação da cultura portuguesa, estamos a trabalhar para o levar a Otava e a Montreal, entre outras cidades canadianas em locais e datas a anunciar brevemente”, disse ainda a curadora.

 

AYS // TDI

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER