GTA

Cerca de 50 por cento dos trabalhadores da TTC que falharam no teste de drogas testaram positivo para a marijuana

Cerca de 50 por cento dos trabalhadores da TTC que falharam num teste aleatório de drogas e álcool, desde que a nova política foi implementada em maio, testararam positivo para a marijuana, de acordo com um relatório recente do CEO da agência de trânsito.

O relatório, divulgado esta semana, mostra que, de 8 de maio de 2017 a 19 de outubro de 2017, 1174 funcionários foram testados e 23 pessoas, ou cerca de dois por cento, não estavam em conformidade com a política.

De acordo com o relatório de pessoal, 16 testaram positivo para drogas, cinco testaram positivo para o álcool, e dois recusaram-se a fazer o teste.

Desde que o relatório foi publicado, o porta-voz da TTC, Brad Ross, disse à CP24 que mais de 1300 pessoas foram testadas e houve uma pessoa adicional que testou positivo para drogas e uma recusa adicional.

Dos que falharam no teste de drogas e álcool, o relatório indica que um pouco mais da metade deles testou positivo para a marijuana.

A TTC disse anteriormente que apenas realiza testes para possível condução sob efeito de álcool, no momento do teste, e que não está preocupada com o que os seus funcionários fazem durante o seu tempo livre.

Mais de 10 mil trabalhadores estão sujeitos a testes aleatórios, incluindo operadores e funcionários de manutenção, bem como supervisores, diretores e executivos designados.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER