Comunidade

Rogers Road – Dois bons motivos para celebrar

Ao longo dos últimos dois anos um grupo de comerciantes da Rogers Road tem vindo a trabalhar no sentido de iniciar o processo de constituição de uma Associação de Comerciantes – BIA. Este grupo de trabalho viveu na passada quarta-feira, dia 3 de abril, um momento marcante já que viu a sua proposta de constituição da associação aprovada pela maioria dos comerciantes presentes.

Patrícia Brandão, Clara Oliveira, Cidália Ferreira e Ricardo Pinto

Como disse à nossa reportagem Ricardo Pinto (um dos comerciantes que integra o grupo de trabalho) a luta não vai ficar por aqui – “vamos continuar a lutar apara atingir o nosso objetivo. Este foi o primeiro passo, mas vamos continuar até dizermos que esta é a nossa zona e nós estamos agora a assumir a responsabilidade por ela. E vamos fazer tudo por isso.” Por outro lado, Cidália Ferreira fez questão de sublinhar a importância da comunidade se juntar mais à volta deste objetivo “a comunidade sempre tem receio em aparecer e em participar. Gostam muito de criticar, mas não participam para melhorar o que está menos bem. Precisamos da comunidade junta, esta zona está a tornar-se numa grande comunidade portuguesa, a maioria dos negócios são portugueses. É bom que as pessoas participem, votem, venham às reuniões para que consigam ter as coisas que querem.” Na realidade, Clara Oliveira, gerente do BMO da zona, confirmou esse facto e explicou que a agência que dirige é o espelho da importância crescente da comunidade portuguesa na zona já que “todos os empregados falam português porque aqui temos muitos clientes portugueses. Temos que ter a certeza que todos são atendidos da maneira que merecem.” Já Patrícia Brandão fez questão de exemplificar algo que está mal na zona e que a criação do BIA poderá ajudar a reivindicar melhorias junto da cidade – “a maior parte das reclamações das pessoas tem a ver com o estacionamento nesta área. Há muitos negócios novos e não há estacionamento suficiente. E isso não é bom para nenhum negócio. E, neste momento, temos que olhar para o futuro e com a ajuda da comunidade nós vamos conseguir melhorar esta área. Nós vamos fazer um bom trabalho.”

Ricardo Pinto, Caroline Taylor, Curtia Wright, Jimmy Daoud, Frances Nunziata, Cristiano de Araujo, Ana Bailão, Patrícia Brandão, Natasha Dichpan e Jason Campbell

Ana Bailão, na sua qualidade de vice-presidente da Câmara Municipal de Toronto e também como vereadora com a responsabilidade da área de Davenport, mostrava-se profundamente satisfeita com a possibilidade daquela zona passar a ter uma maior capacidade de reivindicação para garantir melhores condições para todos os que aí residem ou têm negócios – “É muito importante porque os comerciantes trabalham em conjunto, têm uma voz muito mais forte para fazerem ouvir os seus problemas, os seus anseios, os seus desejos, o que querem ver na sua área e depois poderão tirar benefícios de alguns programas que a Câmara tem, para ajudar este tipo de associações – melhoramentos das áreas e até dar financiamento para fazerem coisas como murais, apoios para renovações na rua. E essas coisas são bastante importantes para termos as ruas mais bonitas, com mais pessoas a andarem e isso significa mais clientes para os negócios.” Tudo indica que no dia 3 de abril se assistiu ao início do nascimento de mais um BIA da zona de Davenport – será já o 14º.

Por outro lado, Ana Bailão também assistiu à inauguração de um mural que foi feito através de um programa da Câmara Municipal de Toronto, em colaboração com o grupo de comerciantes que está a trabalhar na criação da Associação. O mural tem a assinatura de Cristiano de Araújo. “Acho o mural bonito, é colorido. E acho que esta área aqui precisava de um bocadinho mais de cor.”- afirmou Ana Bailão que reforçou que no fim do dia (3 de abril) teve dois bons motivos para celebrar.

Madalena Balça

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER

Close
Close