Comunidade

Idosos contra a desigualdade

Joana Leal

O dia da mulher foi assinalado com um painel de luxo na Casa do Alentejo de Toronto. A iniciativa foi do Abrigo Centre e juntou dezenas de idosos. A data surgiu no início do século XX quando as primeiras ativistas se revoltaram contra a exploração e este ano o tema é “#otempoeagora”.
Depois de um pequeno-almoço seguiu-se uma aula de zumba e vários discursos alusivos ao Dia Internacional da Mulher. Sandra Gambóias, membro da direção executiva do Abrigo Centre, disse que “o dia é uma oportunidade única para lutar pelos direitos da mulher e pela igualdade de género”.
Suzy Soares, antiga produtora executiva da Omni, falou da sua experiência como jornalista. “Uma vez fiz uma reportagem sobre a Abrigo e os seus serviços de apoio à vítima e certo dia fui chamada à receção para falar com alguém. Estava lá um senhor com a sua sogra que disse que minha vinha dar uma lição porque eu estava a ensinar a sua mulher a sair de casa”, divulgou.
Michelle Jorge, advogada da Jewell Radimisis Jorge Advogados, falou sobre a sua experiência como mãe e profissional. “Os homens têm sucesso de várias formas porque têm uma equipa que os apoia. Se as mulheres têm essa equipa também conseguem”, revelou.
Depois do almoço seguiram-se os discursos de Marina Brito, agente de viagens; Cristina Martins, MPP de Davenport e Teresa Emmanuelle do Abrigo Centre. Lídia Sousa e Tony Gouveia asseguraram a diversão musical e ao final da tarde ainda houve tempo para fazer penteados, massagens e manicure.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER