Comunidade

“Feiras Novas” em Toronto

     Por: Avelino Teixeira

Acontecem pela primeira vez por iniciativa da “Camões Entertainment” uma organização conjunta de Manuel Da Costa e Joe Eustáquio

Tiveram o seu início no Concelho de Ponte de Lima em 1826 por ordem do Rei D. Pedro também chamadas Festas de Nossa Senhora das Dores, denominação que servia para as distinguir das feiras quinzenais, que se realizavam às segundas feiras, as mais antigas de Portugal, referenciadas no foral da Rainha Dona Teresa em 1125.

Rancho Folclórico de Newark

Em Toronto, o fenomenal evento começava no dia 22 de setembro na Casa do Alentejo e continuava no sábado, 23 no Brokton Stadium com o grupo Concertinas de Newark, Rancho Folclórico da Associação Migrante de Barcelos, Paulinho do Minho, Rancho Folclórico Casa dos Arcos de Valdevez de Newark formado em 2010, e o Rancho Folclórico Barcuense de Newark, formado em 1977. Ecerrava com o excitamento musical feito pelo excelente grupo Sons Do Minho constituído por Jorge Salgueiro, Pi de Areosa que se faziam acompanhar pelas suas próprias concetinas e a de Luís Filipe Pinheiro, Paulo Martins na Percussão, Paulo Freitas na Bateria, Ricardo Fernandes na Guitarra e Jaime  no Baixo. Estes exímios tocadores e cantadores contribuíam de forma agradabilíssima para um espetáculo de alto gabarito que acontecia num palco cuidados tecnicamnete bem concebido pelo ACS Productions Sound & Lighting de Carlos Costa sob os cuidados técnicos de Danny Gama, Gabriel Ávila, José Golveia, Elektra, Amil e Alex da Silva.

No domingo, 24 de setembro, sob um Céu nitidamente azul também com temperaturas escaldantes, e daí talvez a razão pela qual não se notou grande afluência ao Brockton Stadium, assistia-se à exibição do Rancho Folclórico do Clube Português de Kitchener formado em 1980 com 25 elementos apresentado por Izidro Costa, Rancho Folclórico Arsenal do Minho estabelecido em 1995 com 75 elementos apresentado por Lúcia Gonçalves, Rancho Folclórico do Clube Português de Vaughn com 55 elementos, formado em 1998  apresentado naquele dia por Valter Ferreira, e finalmente o Rancho Folclórico da Associação Cultural do Minho formado em 1980 com 80 elementos e Grupo Infantil apresentado por Augusto Bandeiras. No final da sua atuação o público era convidado a bailar com eles. Como o palco se tornava pequeno, muita gente bailava no chão frente ao mesmo. Tal era a alegria!!! Note-se que os referidos ranchos naqueles dias, por razões várias, não se apresentavam com o número exato dos seus bailarinos.

Pelo palco passavam também Daniel Rocha, Vitor Barros, Filipe Leitugas, Paulinho do Minho, João Lopes, Ryan Esteves, André Devesa e Stevan Pereira com suas concertinas apresentados pelo divertido e sempre oportuno com as suas anedotas Otávio Barros. A certo ponto ele referia a Joe Eustáquio como sendo um dinâmico impulsionador de gandes festas que se fazem em Toronto.

Depois procedia-se ao sorteio da Camões Rádio “Got The Up” com um prémio no valor de 2500 dólares que cabia a Jorge Martins. O bilhete era tirado pela menina Bárbara que estava festejando o seu aniversário para a qual foram entoados os parabéns pelos músicos que estavam no palco e pela audiência. Até Joe Eustáquio cantou surpreendendo com a sua voz e entoação. Sim Senhor!!!

“Feiras Novas Em Toronto” terminavam brilhantemente com Pi D’Areosa, Jorge Martins, Jorge Salgueiro, Cristiana de Sá e Luís Filipe Pinheiro – cinco jovens delicados, atenciosos, coesos e respeitadores – que com suas improvisações atestavam os insaciáveis desejos dos amantes das desgarradas à moda do Minho onde nasceram as “Feiras Novas” que doravante vão também acontecer anualmente em Toronto graças à “Camões Entretainment” que tem a seu cargo a Camões TV no Youtube e no Facebook, e uma rádio não só online, como também diariamente entre as 17H00  e as 20H00, hora de Toronto através da CKWR FM 98.5, e na CHHA AM 16.10 entre 23H00 e as 06H00.

As apresentações no Brockton Stadium eram da responsabilidade dos locutores da Camões Rádio que irá cada vez mais longe ; Ziko Pereira, Nuno Miller, Francisco Pegado e o responsável por esta reportagem. O apoio técnico era de Pedro Ferreia e Adriana Paparella, e a videografia de Luciano Paparella Junior.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER