Comunidade

Famílias em pleno convívio!

Avelino Teixeira

O Dia da família (Family day) foi primeiramente celebrado em Alberta em 1990 e Saskatchewan em 2007. A Província do Ontário foi contemplada em 2008 devido à promessa feita por Dalton McGuinty quando se tentava recandidatar a Primeiro Ministro da nossa Província em 2007. Foi legislado em outubro de 2008, e, a partir de então, no dia 19 de fevereiro os ontarianos começaram a usufruir do feriado, cada qual à sua maneira.
No domingo, 18 de fevereiro, no Renaissence By The Creek a família Lima levou a efeito pela décima vez um evento a que chama coincidentemente “Dia da família”. A ideia surgiu quando Andrea Lima Anselmo, conversando com seus pais, se interrogava sobre o porquê das famílias só se encontrarem em casamentos e funerais. Decidiu então organizar o evento que veio a coincidir com a data do Family Day ao qual ela junta a celebração de S. Valentim. Para o primeiro evento em 2008, tal como tem acontecido todos os anos, foram convidadas entidades públicas micaelenses para estarem presentes. Este ano dezenas de casais de todas as idades , naturais de várias localidades portuguesas, estiveram presentes em pleno convívio no qual não faltou boa comida, cantigas por Hermes o imcomparável “Elvis Português”, e música para dançar pelo N.S.P. Non Stop Productios de Mark Lima. Foi ele também que proporcionou o som para que o seu pai, não só desse as boas vindas aos convivas, como também introduzisse António Cabral, Presidente da Junta de Freguesia de Santa Clara, para ler uma mensagem dos seus constituintes, aludir ao desenvolvimento da sua freguesia e à incentivação das suas tradições. Depois foi João Pacheco de Melo que também saudou os seus conterrâneos e mais tarde haveria de ler alguns parágrafos do seu último livro publicado recentemente.
Após o jantar, José Manuel Lima, com o seu acentuado sotaque micaelense, que até lhe fica bem, e que antes havia invocado a benção para a refeição,- como habitualmente chamou amigos que ao longo dos anos têm apoiado o evento e no mesmo participado para lhes entregar uma lembrança. Este ano foram reconhecidos: Luís e Eduardo Medeiros, João Ferreira, Emanuel Soares, João Tavares vindo de Montreal, Alberto Moniz, Agostinho Andrade, Luís e Paulo Gouveia, Tó Manuel Raposo, Manuel de Sousa, José Francisco Lima, Ernesto Cabral, Johny Pacheco e Nélia Lopes Serpa. Estes indivíduos encontram-se na foto inserida nesta reportagem. Entretando, foram também sorteados vários prémios de porta e entregues recordações a alguns convivas.
Durante a tarde festiva a um dos cantos da sala esteve exposta um exemplar da bandeira canadiana que irá ser enviada para a freguesia de Santa Clara.
José Manuel Lima veio para o Canadá para se livrar do serviço militar português, então obrigatório em 1964, com apenas 15 anos. Casou-se com Stella Lima que o tem ajudado imenso ao longo dos anos. Foi seu pai, que havia imigrado em 1954, quem o trouxe para a terra da promissão onde depois de ter sido empregado fabril se tornou carteiro até se aposentar. Por tal razão angariou muitas amizades que hoje o fazem feliz e são a força para a realização anual da Festa da família bem como para as apresentações de espetáculos, nomeadamente cantorias ,que ele faz nas quais simultaneamente vai demonstrando o seu lado humorístico.

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER