Comunidade

Primeira Irmandade do Espírito Santo de Mississauga  Churrasco, alegria e convívio!

 

Por: Avelino Teixeira

 

A Primeira Irmandade do Espírito Santo de Mississauga realizou o seu oitavo churrasco em forma de agradecimento aos indivíduos que durante o ano a ajudam. O evento era patrocinado por Costa Produce, Macedo Wines & Grape Juice, Montanha Fish Store e Nova Ganadaria de Luísa Silva que será a mordoma para 2018.

Sob um Céu completamente Azul estavam os diretores Carlos Melo, João Braga, José Silva, António Costa, Gilberto Pereira, Rui Melo, José Freitas e Emanuel Aguiar à volta das brasas assando sardinhas, galinhas, chouriço e bifanas que juntamente com pão de milho e de trigo, batata branca com ou sem pimenta constituíram a ementa do almoço. Enquanto tudo era preparado, podia-se comer pão com o cheiro dos churrascos à nossa volta, tal era o apetite!

Manuel Andrade, cheio de alegria, surpreendeu os diretores com o cumprimento de uma promessa oferecendo 800 dólares para a compra de um animal bovino para o almoço (as chamadas sopas do E. Santo) do dia de Pentecostes em julho de 2018.

Lúcia Teves lá andava atarefada dirigindo as senhoras que iam pondo a mesa do bufete e empratando os doces, alguns trazidos pelos diretores e amigos que, com o café ou chá, acabariam de atestar o estômago de meia centena de devotos da Terceira Pessoa da Santíssima Trindade que nunca abandonam Dinarte Teves e sua direção. A meio da refeição, ladeado pelo Vice Presidente Gilberto Pereira, ele, sempre com um sorriso de orelha a orelha e com a sua acostumada simplicidade, agradeceu a presença dos diretores, voluntários e amigos reafirmando que sem eles, nada poderia ser feito não só naquele dia como durante o ano. Referia depois ao convite dirigido pela comissão de festas do Espírito Santo de Ponta Delgada à Primeira Irmandade do E. S. de Mississauga para que esta se desloque em 2018 a Ponta Delgada, por altura das referidas festas. Salientou que o convite poderá ser retribuído se houver um número suficiente de devotos que queira participar na excursão. Também fez questão de informar que foram doados cinco mil dólares para ajudar com as despesas do alcatroamento do pátio e parque de estacionamento da Igreja de S. José (Igreja dos portugueses de Oakville) mas que também pode ser dos demais portugueses que a frequentam alguns deles residentes em localidades circunvizinhas como é o caso de Burlington e tantas outras. Aquela Igreja, se bem que de arquitetura modesta mas mui refrescante, tem uma história interessante; diz-se ter sido construída em poucos dias com árduo trabalho e sacrifício de tantos portugueses sob o olhar irrequieto e atento do Reverendo Padre Lima que tanto contribuiu para com a sua comunidade, e nos dias de hoje parece estar esquecido! Porquê?

A Primeira Irmandade do E. S. de Mississauga faz saber que o próximo evento, Festa De S. Martinho, acontecerá a 4 de novembro próximo. Até lá!

Redes Sociais - Comentários

Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close