Comunidade

Canadá mantém fronteiras abertas

O Canadá mantém a sua política de fronteiras abertas e sublinha que os imigrantes contribuem para o crescimento da economia e para a melhoria da competitividade. Até final de 2021 o país espera receber mais de 1 milhão de novos imigrantes.

Em declarações ao Milénio Stadium, Julie Dzerowicz, MP de Davenport, diz não ter dúvidas que a imigração acrescenta valor ao país. “Os imigrantes trazem inovação e geram riqueza, muitos deles abrem novas empresas. Numa economia global, qualquer país deveria querer ter os melhores profissionais do mundo e para isso acontecer temos de abrir as fronteiras. O nosso primeiro ministro Justin Trudeau está sempre a dizer que é graças à imigração que o Canadá tem tanta diversidade e é por isso que somos um dos melhores países do mundo”, referiu.

A deputada federal, eleita pela área que concentra mais portugueses no Canadá, e filha de pais imigrantes lamenta que alguns países tenham uma visão diferente. “O muro que o presidente dos EUA quer construir vai impedir a entrada de imigrantes no país. Mas os americanos que apoiam esta medida deveriam lembrar-se que foram os imigrantes que ajudaram a construir o seu país”, explicou.

A imigração também é importante porque ajuda a equilibrar a demografia. “A nossa taxa de natalidade é baixa e a nossa população está a envelhecer. Precisamos dos imigrantes para inverter estes dados, o futuro da nossa economia depende de um conjunto de políticas de imigração fortes”, disse.

Segundo o Banco do Canadá o país tem cerca de 500,000 empregos disponíveis, o que significa que ainda há margem para absorver novos imigrantes, mas o governo recomenda prudência. “Queremos continuar a receber imigrantes, mas estamos a fazer todos os possíveis para desencorajar as pessoas a imigrarem ilegalmente. Queremos que o processo seja justo e um bom exemplo disso foi o acordo de mobilidade para jovens que o Canadá assinou com Portugal em 2018. Dois mil jovens de cada um dos países vão poder ter uma experiência de trabalho internacional, o que enriquece as duas partes”, contou.


Autor(a):
Fonte:

Redes Sociais - Comentários

Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close