Comunidade

Brinquedos portugueses e a sua história

Humberta Araujo

Datam, ao que parece, a inícios dos século XIX os primeiros brinquedos portugueses. Embora seja difícil encontrar uma data específica para o aparecimento de brinquedos em série e de forma organizada, a verdade é que o brinquedo como tal, começa a ser difundido durante o século XIX.
Segundo o livro, “ 100 anos do Brinquedo Português”, o ano de 1878 terá marcado o arranque da construção de brinquedos em madeira. O brinquedo, como artigo de consumo público e de fabrico organizado, é muito posterior aos brinquedos artesanais, que há muito povoavam a vida das crianças portuguesas, especialmente aquelas de fracos recursos económicos. A natural necessidade de brincar, aliada ao mundo do imaginário infantil, levou naturalmente a uma fabricação “caseira” de brinquedos. Neste caso, temos a salientar, os brinquedos feitos à mão resultantes do aproveitamento de recursos naturais, que as crianças tinham à sua disposição, e com os quais criavam brinquedos, muitos deles de durabilidade muito limitada.Temos por exemplo, as bonecas de pano ou de maçaroca de milho, os botões, os anéis, ou os cacos que encontravam nos quintais ou nas ruas, e com os quais imaginavam os seus pratos e panelas, num faz de conta, onde só o imaginário infantil, conseguia construir. Os rapazes, por seu turno, inventavam as suas próprias brincadeiras, também com materiais que tinham à sua disposicao, nomeadamente as bexigas dos animais abatidos em tempo de matança, e com as quais fazim uma bola de futebol, ou os galhos de árvores para as suas fisgas, ou ainda as corridas de arcos ou os jogos com caricas.
Todavia, e já numa perspetiva de fabrico organizado, “sabe-se que em 1878 Agostinho Oliveira da Costa Carneiro fabricava brinquedos de madeira na Maia.” Dois anos mais tarde, em 1880, a Casa do Militar à Porta, em Lisboa, aparece com a 1ª edição de folhas de cartolina, nas quais tinham sido desenhados soldados, que eram depois recortados.
Mais tarde, em 1892, surge “a primeira fábrica timbrada do fabricante de brinquedos em madeira, Augusto de Sousa Martins.” Os brinquedos em série começam assim a surgir por esta altura, e os “fabricantes porteriores inspiram-se em modelos de brinquedos populares”, entre eles a pomba, o ciclista, o tambor e as camionetas de madeira.
Aqui em Toronto pode conhecer alguns destes brinquedos. Ao abrir as suas portas ao projeto Baú da Avó, a Galeria dos Pioneiros Portugueses permite a quem nos visita, um olhar sobre alguns destes brinquedos, e a descoberta de outros. Visite o Baú da Avó, no 960 da St Clair, o qual se encontra de portas abertas, também aos fins-de-semana, para melhor acolher as famílias, permitindo um olhar atento a este interessante espólio.

Redes Sociais - Comentários

Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close