Comunidade

Anthony de Sa lança “Children of the Moon”

O escritor luso-canadiano Anthony de Sa lançou terça-feira (7), no Lula Lounge, em Toronto, o seu terceiro livro. A obra de 256 páginas volta a ser publicada pela editora Penguin Random House.

Para escrever a novela “Children of the Moon”, o escritor foi até Moçambique para fazer investigação. É a terceira vez que Portugal volta a entrar na sua literatura, desta vez com incidência no capítulo da descolonização, uma das feridas da história portuguesa.

De Sa venceu o prémio Scotiabank Giller Prize quando publicou o primeiro livro “Barnacle Love” em 2008 e o seu segundo trabalho “Kicking The Sky”, que foi lançado em 2013, tornou-se num bestseller nacional. Anthony de Sa é aclamado pela crítica que o considera uma das vozes mais emocionantes da nova geração literária canadiana.

As personagens principais da obra são Pó, uma rapariga albina que nasce em 1956 na Tanzânia e cujo tribo a considera uma maldição. Mais a sul, em Moçambique, vive Ezequiel que não é reconhecido pelo pai português e que acaba por ser adotado por missionários. Pó tem de lutar pela sua vida e enfrentar a violência e o ostracismo. Já Ezequiel, que hoje vive em Toronto e que sofre de demência, tem de decidir de que lado está quando a guerra civil eclode. Mas no fim é o amor que une estes dois estranhos – Pó e Zeca.

Joana Leal

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Não perca também
Close
Back to top button

DONATE NOW