EditorialBlog

Os pensadores da liberdade

Editorial

Os pensadores da liberdade-canada-mileniostadium
Cartoon by Stella Jurgen

 

Esta semana o Milénio Stadium examina o estado da democracia e a forma como os princípios democráticos têm vindo a ser afetados pela pandemia mundial e pela liderança política.

Os pensadores da liberdade e empregadores da mudança continuam a trabalhar para uma transição que traga o mundo para uma emancipação de pensamento harmonioso e libertação daqueles que se impõe no nosso caminho. Com a nossa vivência com a Covid-19, a justiça e o governo político nunca andaram de mãos dadas. Os nossos direitos e liberdades estão constantemente a serem desafiados por aqueles que gritam princípios liberais, contudo, estes demonstram-se incapazes de implementar as mudanças sociais necessárias para que os efeitos sejam significativos para aqueles que dizem representar. E, por isso, coloca-se a questão: “Será que os princípios democráticos foram usurpados e diminuídos em nome da pandemia?”

Individualmente, comportamo-nos de acordo com um conjunto de princípios onde a moralidade dita a forma como lideramos a nossa vida. Somos todos diferentes uns dos outros e a idade e a passagem do tempo, muitas vezes, moldam o nosso processo de pensamento e a forma como vemos o mundo. Num mundo de inteligência artificial, onde a cada segundo existe um bombardeamento de informação, poderão as máquinas ganhar consciência o suficiente para que o processo de pensamento individual seja desnecessário? Parece que isto está a acontecer no mundo político onde a manipulação dissimulada de mensagens está a reajustar a nossa visão e aceitação de um estilo de vida mais restrito. À medida que aumentam os desafios financeiros e a pobreza, será difícil recuperar o sistema de igualdade social, e os países e os seus partidos políticos adotam um estilo de governo social que a maioria dos cidadãos não compreende.

Direita, esquerda, centro, liberal, conservador, socialistas são apenas alguns dos termos políticos adotados para justificar o porquê de os países serem administrados da forma que são. Como é que o cidadão comum pode compreender o sistema político se, quando existe uma alteração no Governo, a sua situação pessoal raramente se altera? Tendo isto em conta, sob que tipo de autoridade política é que prefere viver?

A democracia é uma forma de governo em que as pessoas têm a autoridade de escolher a legislação que os rege, com valores fundamentais que incluem a liberdade de associação e de expressão, inclusão e igualdade, a liberdade de filiação, consenso, o voto e o direito à vida e direitos das minorias.

O fascismo é uma das formas da extrema-direita, ultranacionalista e autoritário, caracterizado por um poder ditatorial, a anulação forçada da oposição e o regimento forte da sociedade e da economia.

O comunismo é uma teoria política que deriva de Karl Marx que defende a luta de classes e a liderança na direção de uma sociedade onde todas as propriedades são públicas, e onde cada pessoa trabalha e é paga de acordo com as suas habilidades e necessidades.

Estas são apenas três das diversas variações políticas e dogmas que são utilizados para controlar as vidas dos cidadãos mundiais. Hoje, pode inserir o fascismo ou comunismo onde a democracia é descrita e, na maior parte do mundo, os termos serviriam e são intercambiáveis.

O liberalismo e a justiça social estão em falta. A democracia dever-nos-ia garantir isto, mas perdemo-nos a meio do caminho. A estrada estreitou-se, mas o espírito de encontrar o que perdemos jamais morrerá.

Fé e verdade guiar-nos-ão para a luz ao fundo do túnel.


Os pensadores da liberdade-canada-mileniostadium
Cartoon by Stella Jurgen

Thinkers of Freedom

This week’s Milénio Stadium is examining the status of Democracy and how democratic principals have been affected by the worldwide pandemic and political leadership.

The thinkers of freedom and labourers of change continue to work towards a transition which will bring the world into an harmonious emancipation of thought and liberation from those who stand in our way.  Justice and political governance have never gone hand in hand as we live through Covid-19.  Our rights and freedoms are being constantly challenged by those who shout liberalist principals but are incapable of implementing the required social change to effect meaningful results for those they claim to represent.  Thus the question: “Have democratic principles been hijacked and diminished in the name of a pandemic?”

Individually we conduct ourselves in accordance with a set of principals whose morality dictates how we lead our lives.  We are all different from each other and age and passage of time often shapes our thought processes and how we view the world.  In a world of artificial intelligence where a bombardment of information is available every second, can machines gain enough of a conscience so there won’t be a need for individual thought process?  It appears this is happening in the political world where underhanded manipulation of messages is reshaping our views and acceptance of a more restrictive lifestyle.  Egalitarianism will be difficult to recover as financial hardships and the increase in poverty goes up and countries and their political parties adopt a style of social governance which most citizens do not understand.

Right, left, Centre, Liberal, Conservatives, Socialists are but a few of political terms adopted to justify why countries are administered the way they are.  How can the common citizen understand a political system that when there’s a change in Government their personal situation rarely changes?  In view of this, under what type of political authority do you live under?

Democracy is a form of government in which people have the authority to choose their governing legislation, with core values including freedom of assembly and speech, inclusiveness and equality, membership, consent, voting and right to life and minority rights.

Fascism is a form of far-right, authoritarian ultranationalism characterized by dictatorial power, forcible suppression of opposition and strong regiment of society and of the economy.

Communism is a political theory derived by Karl Marx, advocating class war and leading to a society in which all property is publicly owned, and each person works and is paid according to their ability and needs.

These are but only three of many political variations and dogmas which are used to control the lives of the citizentry of the world.  Today you can insert Fascism or Communism where Democracy is described above and in most of the world the terms would fit and are interchangeable.

Liberalism and social justice are in short supply.  Democracy was to deliver these, but we got lost along the way.  The road has narrowed but the spirit of finding what we have lost will not die. 

Faith and Truth will deliver the light at the end of the tunnel.

Manuel DaCosta/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Não perca também
Close
Back to top button

DONATE NOW

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER