EditorialBlog

A Cloud ou Tijolo e Cimento

C.S. Lewis disse “Se nos permitirmos, estaremos sempre à espera de alguma distração ou que algo termine antes de voltarmos ao nosso trabalho”.

A Cloud ou Tijolo e Cimento-editorialpor-editorial-mileniostadium
Cartoon by Stella Jurgen

 

A Covid-19 continua a dominar todos os aspetos da nossa vida independentemente se as pessoas a estão a levar a sério ou não. Com o passar dos dias, continuamos a adicionar tempo aos nossos aniversários – a verdade é que o mundo se está a reajustar e, cada vez mais, a Covid dita partes da nossa vida que, no início do ano, nunca imaginámos.

Os procrastinadores e desperdiçadores de tempo continuam a aproveitar-se dos programas governamentais mesmo estando postos de trabalho disponíveis, recusando-se a participar na reconstrução de uma economia devastada. Estes tipos de pessoas nunca terão o que é necessário para reconstruir o país, ao invés, irão criar desculpas para a sua vida miserável, a apontar o dedo ao governo ineficiente para explicar a sua situação de vida. Vão trabalhar!

A Covid-19 tem alterado as formas básicas como as pessoas se comportam no que diz respeito a compras e trabalho. Muitas empresas têm enfrentado dificuldades na implementação de mudanças que lhes permitam continuar a operar, inclusive muitas não têm conseguido. Milhares de falências, edifícios de escritórios vazios e lojas fechadas em ruas vazias refletem a realidade que, essencialmente, é um desafio à nossa forma de ver as nossas decisões diárias. Todas as ações tomadas provocam uma reação que se reflete nos setores da economia e que muitos de nós não iríamos sequer considerar.

O gigante chamado Amazon continua a sua montanha-russa de domínio no negócio de falência de muitos setores da economia. A conveniência da Amazon alterou o nosso pensamento sobre as visitas aos estabelecimentos de tijolo e cimento, afetando os negócios nos centros comerciais e lojas. Mesmo quando a vida regressar ao normal, como é que poderão competir com este gigante que tem 40% das vendas a retalho e 38% das vendas comerciais nos EUA?

Outros juntam-se ao fenómeno de entregas em casa com a entrega de comida, entrega de drogas e qualquer outra coisa que o coração deseje, fazendo com que as pessoas se sentem e não vão a lado nenhum.

Vamos em direção à 3º fase de reabertura, contudo são milhares de negócios no Ontário que estão à beira da insolvência. A Canadian Federation of Independent Business considera que 16% de todos os negócios no Ontário estão prestes a fechar portas permanentemente e a maioria não será lucrativa em 2020. Apesar de em abril as falências terem descido para o número mais baixo alguma vez registado, essa bolha irá rebentar e o número irá subir assim que a realidade se instalar.

Está na altura de voltar a viver de acordo com as suas possibilidades, mesmo aqueles que mantiveram o seu emprego durante os meses de Covid, mas ainda se queixam e choram que talvez devessem ter sido mais bem pagos. Os sete milhões que recebem do CERB deveriam acordar, enfrentar a realidade e ajudar a reerguer a economia.

Aqueles que têm negócios enfrentam a pressão dos bancos e/ou outras instituições financeiras, com requisitos apertados para obter novos créditos e/ou renovar, o que contribui para mais stress. Só o ajudam quando não precisa. Escritórios de advocacia empresarial e danos pessoais crescem como tomates no seu jardim, encorajando as pessoas a processar. Espera-se que a fronteira dos EUA continue encerrada por muitos mais meses, esgotando ainda mais o crescimento económico pela falta de turismo e outras atividades.

Numa perspetiva mais positiva, podemos todos fazer o download da Covid App para nos certificarmos que estamos menos expostos ao vírus e uma empresa de Edmonton entregará um bar no seu quintal.

Protejam-se, mas participem na economia e saiam das vossas extremidades traseiras.


Cloud or Brick and Mortar

C.S. Lewis said, “if we let ourselves, we shall always be waiting for some distraction or other to end before we can really get down to our work”.

 

A Cloud ou Tijolo e Cimento-editorialeng-editorial-mileniostadium

 

Covid-19 continues to dominate every aspect of our lives regardless if people are taking it seriously or not. As days pass and our lives keep adding time our birthdays, the reality is that the world is adjusting and Covid is dictating more and more facets of our life which we could not imagine at the beginning of the year.

Procrastinators and loafers continue to take advantage of government programs even when work is available, refusing to participate in the economic rebuilding of a devastated economy. These stragglers will never have the piss and vinegar that it will take to reconstruct this country and will instead make up excuses for their miserable life, quickly pointing fingers at ineffective governments for their plight in life. Get your asses to work!

Covid-19 has changed the basic ways that people are behaving as it relates to shopping and work. As many companies struggle to implement changes, which will allow them to continue to operate, many have been unable to. Thousands of bankruptcies, empty office buildings and shuttered store fronts on empty streets reflect a reality which is fundamentally a challenge to our mindset on the way we view our daily decisions. Every action being taken invites a reaction affecting sectors of the economy which most of us would never consider.

The behemoth called Amazon continues its rollercoaster of dominance in the business of bankrupting many sectors of the economy. The convenience of Amazon has changed our mindset about visiting brick and mortar establishments damaging business in malls, plazas and box stores. Even when life returns to normal, how can you compete with this giant that accounts for 40% of retail sales and 38% of commerce sales in the USA?

Others are joining the home delivery phenomenon with food deliveries, drug deliveries and anything else your heart desires turning people into sitting fat asses that don’t have to go anywhere.

Thousands of Ontario businesses are on the verge of insolvency as we go into stage 3 of provincial re-openings. The Canadian Federation of Independent Business found that 16 percent of all businesses are on the brink of closing their doors permanently and most businesses in Ontario will not be profitable in 2020. While personal bankruptcies fell to a record low in April, the bubble will burst, and they will soar once realities set in. Time to live within your means again, including those who have kept a job during the Covid months, but still moan and cry that perhaps they should have been paid more. The seven million receiving CERB should wake up and face reality and help reignite the economy.

Those in business face the pressure of banks and/or other financial institutions tightening requirements for new credit and/or renewal contributing to further stress. They only help you when you don’t need them. Personal injury and business law firms sprouting like the tomatoes on your garden encouraging people to litigate. The USA border is expected to stay closed for many more months further depleting the economic growth through tourism and other activities.

On the bright side, we can all download the Covid App to ensure we are less exposed to Covid and an Edmonton company will deliver a blow-up pub to your backyard.

Protect yourselves but participate in the economy and get off your rear ends.

Manuel DaCosta/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Não perca também
Close
Back to top button

DONATE NOW