Desporto

Vários desportistas já tiveram Covid-19

Vários desportistas já tiveram covid-mundo-mileniostadium

 

Se há uma coisa certa no que à covid-19 diz respeito é que qualquer pessoa pode ser infetada e são já vários os casos de desportistas que foram diagnosticados com o novo coronavírus SARS-CoV-2.

Um dos primeiros casos de desportistas contaminados foi o do futebolista argentino Paulo Dybala, da Juventus, que logo no início da pandemia esteve de quarentena. Mas o avançado não foi caso único. Nas principais ligas europeias de futebol – Inglaterra, Alemanha, França, Espanha e Itália – somaram-se os casos positivos à covid-19 nos plantéis ou no staff que trabalha diretamente com os jogadores.

E nem a Liga portuguesa escapou ao vírus, quer após a retoma das competições, quer já na nova época, com o Gil Vicente-Sporting, da primeira jornada, a ser adiado devido a vários positivos nos dois plantéis e nos treinadores principais. O francês Mbappé, o brasileiro Neymar e o argentino Di María, todos do PSG tiveram testes positivos, assim como o sueco Zlatan Ibrahimovic, do AC Milan.

Leia também: • Recomendações para combater a Covid-19 e preparar o inverno

O central Umtiti, do Barcelona, também teve covid-19, assim como o avançado do Real Madrid Mariano Díaz. Mas não foi só no desporto-rei que se sucederam testes positivos. No ténis, no basquetebol, no voleibol e andebol. O sérvio Novak Djokovic foi contaminado depois de ter organizado um torneio de ténis, que contagiou mais alguns participantes. A equipa de basquetebol do Benfica esteve de quarentena devido a testes positivos de alguns jogadores, assim como a de voleibol do Sporting.

JN/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW