Desporto

Taça de Portugal

Taça de Portugal-portugal-mileniostadium
Foto: DR

 

Já são conhecidos 30 dos 32 finalistas da Taça de Portugal – o Estrela da Amadora – Farense disputa-se no próximo dia 3 de dezembro, enquanto que o Vilafranquense – Sanjoanense foi adiado devido a vários atletas terem testado positivo para o novo coronavírus no emblema de São João da Madeira. Vamos então a alguns destaques!

Sem grandes surpresas, quase todas as equipas que competem na I Liga portuguesa passaram à próxima fase da prova rainha.

No entanto, há que ressalvar que nem todas o fizeram com uma perna às costas: foi o caso do Gil Vicente que, apesar de ter eliminado o Oleiros, só o conseguiu fazer na marcação de grande penalidades.

A história repetiu-se em Arouca, com Bruno Varela a ser o herói desta partida e a defender duas grandes penalidades e a permitir que o Vitória Sport Clube se apurasse para a quarta ronda.

Também o Marítimo teve que suar para eliminar o Penafiel:  o encontro só ficou decidido no prolongamento, quando Rodrigo Pinho marcou o terceiro e deu a vitória aos insulares. Antes já tinham marcado pelo Penafiel Bruno César (17’, de penálti) e Simão Azevedo (57’). O avançado brasileiro do Marítimo também já havia atirado a contar aos 31’ e 79’, na conversão de duas grandes penalidades.

Os golos de Gil Dias (50’), Marcelo Trotta (69’) e Diogo Queirós (86’) construíram a vitória do Famalicão sobre o último classificado da série G do Campeonato de Portugal, o Oriental.

Em Oliveira de Azeméis também houve goleada… mas a favor do visitante Paços de Ferreira.  Os castores venceram por 4-0, com golos de Marcelo (27’), João Pedro (55’) e Douglas Tanque (66’ e 84’). Uma má estreia para Raul Oliveira no comando técnico de uma equipa principal.

O Moreirense impôs-se ao Merelinense por uma bola a zero (Pedro Nuno, aos 65’), tal como fez o Boavista frente ao Vizela (marcou Yusupha, aos 104’, que viria a ser expulso aos 120+1’), o Tondela em casa do Felgueiras (Tomislav Strkalj  aos 90+5’, de grande penalidade) e o Benfica no embate com o Paredes. As águias voltaram às vitórias graças a um golo de Samaris, aos 26’.

F.C. Porto e Belenenses venceram, respetivamente, o Grupo Desportivo Fabril e o Real, por duas bolas a zero. Pelos dragões marcaram Toni Martínez, aos 45+1’, e Taremi, aos 51’, enquanto que Tiago Esgaio e Miguel Cardoso marcaram o golo dos azuis aos 13’ e 49’, respetivamente.

Em Aveiro, foi o Beira-Mar quem inaugurou o marcador (Pedro Aparício, aos 59’) mas o Santa Clara  operou a reviravolta com golos de Thiago Santana (74’), Carlos Júnior (82’) e Ukra (88’).

Os Guerreiros do Minho superiorizaram-se ao Trofense, que a partir dos 65’ jogou com menos um. Abel Ruiz abriu o ativo para o Braga aos 44’, Alan Júnior ainda empatou da marca dos onze metros, mas Galeno, aos 90+3’, confirmou a presença da equipa de Carlos Carvalhal na quarta ronda.

Também o Rio Ave venceu, em Monção, por 2-1, com os vilacondenses a marcar bem cedo, aos 3’, por Gabrielzinho. Meshino ampliou a vantagem no início da segunda parte e Diogo Baptista, aos 51’, reduziu para o Monção.

Destaque para a (enorme) goleada do Sporting frente ao Sacavenense – o leão anda mesmo com a as garras de fora! Foram sete golos (Nuno Santos aos 3’, Coates aos 26’e 47’, Jovane aos 31’ de grande penalidade, Pedro Marques aos 86’ e 90’ e, já nos descontos, Gonçalo Inácio fechou a goleada no Jamor) contra apenas um da equipa do Campeonato de Portugal (Iaquinta, aos 53’).

Em Pina Manique Brayan Riascos acabou com as esperanças do Casa Pia – os anfitriões até tinham conseguido dar a volta à desvantagem inicial (Alhassan marcou pelo Nacional aos 28’) com golos de Godwin (80’) e Vítor Gonçalves (já em período de prolongamento, aos 94’) mas o bis do avançado colombiano (aos 104’ e 105+2’) deitou por terra o sonho de seguirem em frente.

Menos sorte (ou saber) para o Portimonense que acabou afastado da prova pelo Leiria, somando assim a quarta derrota consecutiva nesta temporada. O golo de Rui Gomes, aos 80’, foi suficiente para carimbar a passagem da equipa que milita no Campeonato de Portugal à próxima fase.

Amora, Leixões, Académico de Viseu, Cova da Piedade, Anadia, Espinho, Fafe, Olímpico do Montijo, Fontinhas, Torreense, Salgueiros e Académica são as outras equipas que nesta ronda também venceram e, por isso, passaram à próxima fase, que acontece entre 12 e 13 de dezembro.

Inês Barbosa/MS

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

 

Quer receber a edição semanal e as newsletters editoriais no seu e-mail?

 

Mais próximo. Mais dinâmico. Mais atual.
www.mileniostadium.com
O mesmo de sempre, mas melhor!

 

SUBSCREVER