Futebol

Zé Luís falha penálti e Aves trava F. C. Porto

O F. C. Porto desperdiçou, esta terça-feira (16), na Vila das Aves, a oportunidade de aumentar a vantagem sobre o Benfica, ao não conseguir mais do que uma igualdade a zero frente ao Aves, na 27.ª jornada da Liga.
Os primeiros 45 minutos foram de total domínio dos dragões, que criaram várias oportunidades para fazerem funcionar o marcador.

Aos 22 minutos, o avançado portista Zé Luís desperdiçou um penálti, ao atirar fraco e permitir a defesa do guarda-redes Fábio Szymonek.

Os azuis e brancos continuaram a procurar espaços na área contrária para criar perigo e esteve iminente o golo, mas a defesa avense conseguiu manter o marcador a zero.

No segundo tempo, os azuis e brancos voltaram a entrar mais fortes, focados em marcar. Aumentaram a pressão no ataque, mas apesar das várias situações, não conseguiram desfazer o nulo.

Weigl dá a volta ao marcador e garante vitória do Benfica em Vila do Conde

O médio alemão Weigl protagonizou a volta no marcador que garantiu ao Benfica a vitória sobre o Benfica frente ao Rio Ave, por 2-1, em Vila do Conde, na partida referente à 27.ª jornada da Liga, colocando as águias na liderança repartida com o F. C. Porto.

As águias entraram bem na partida e foram a primeira equipa a criar perigo, mas seriam os vila-condenses a adiantar-se no marcador, aos 26 minutos, pelo ponta-de-lança, num desvio após livre.

Aos 42 minutos, Rafa viu o árbitro anular um golo, por considerar que Dyego Sousa teve influência na jogada e estava em fora de jogo (17 centímetros), num lance que foi analisado pelo VAR.

Ainda antes do apito para o intervalo, o Benfica teve uma boa oportunidade para marcar.

O conjunto comandado por Bruno Lage voltou a começar melhor do que o adversário. Aos 57 minutos, as águias ficam a queixar-se de uma possível mão na área vilacondense, mas após análise o árbitro mandou seguir a partida.
O Benfica continuou a pressionar e, já com o Rio Ave reduzido a 10 por segundo amarelo a Al Musrati, Seferovic, aos 64 minutos, fez o golo do empate.

Novo contratempo para os locais, com a segunda exclusão de um jogador. Nuno Santos viu vermelho direto por falta sobre Pizzi.

O golo da reviravolta benfiquista surgiu aos 87 minutos, por Weigl, após assistência de Rafa.
Já nos descontos, terceira expulsão para o Rio Ave, vermelho direto a Diogo Figueiras no banco.

Com este triunfo, o Benfica colou-se ao F. C. Porto na liderança da Liga, com os mesmo 64 pontos, mas em desvantagem no confronto direto.

JN/MS

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW

Close
Close