Futebol

Luís Filipe Vieira constituído arguido no processo “Saco azul”

Luís Filipe Vieira constituído arguido

Na sequência do caso “Saco azul”, o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, a Benfica SAD e o Benfica Estádio foram constituídos arguidos por crimes de fraude fiscal.

O caso começou em 2018, quando a Autoridade Tributária deu a conhecer uma elevada faturação de uma empresa de consultoria informática. A acusação revela que a Benfica SAD pagou cerca de 1,8 milhões de euros (dados avançados pela revista Sábado na altura) por serviços que nunca existiram.

A notícia, inicialmente avançada pelo jornal A Bola e agora confirmada pelo Observador, refere que o presidente do Benfica, a SAD do clube e o Benfica Estádio foram constituídos arguidos pelo Ministério Público no Campus de Justiça, em Lisboa.

LEIA MAIS EM JN

Redes Sociais - Comentários

Artigos relacionados

Back to top button

DONATE NOW