Futebol

José Peseiro: “Fui maltratado duas vezes no Sporting”

José Peseiro reclamou mérito nas conquistas do Sporting esta época. O treinador lamentou que o trabalho nos leões não seja devidamente reconhecido.

José Peseiro foi contratado para assumir o comando técnico do Sporting por Sousa Cintra, depois do ataque à academia de Alcochete, mas foi despedido em novembro, para dar lugar a Marcel Keizer. Esta segunda-feira (3), à margem de uma conferência organizada pela Rádio Renascença, o treinador lamentou que o trabalho não tivesse sido reconhecido.

“Sei que eu, a minha equipa técnica e a comissão de gestão fizemos uma equipa que ganhou uma Taça da Liga e uma Taça de Portugal. Sei que contribuí para fazer uma equipa que ganhou a Taça da Liga e Taça de Portugal. A decisão do presidente em rescindir comigo é uma escolha dele. Tive de aceitar. Mas sei o trabalho que fizemos. O próprio Keizer, penso, disse que o treinador anterior fez um excelente trabalho. Pena alguns não terem assumido. Mas basta o treinador e o capitão terem dito, que fico satisfeito”, começou por dizer, recordando uma pré-época difícil.

Leia mais em JN

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close