Futebol

Benfica arranca vitória suada em Tondela com golo de Ferro

O Benfica arrancou este domingo uma vitória suada na visita ao Tondela na oitava jornada da liga, valendo-lhe um golo solitário do central Ferro, na primeira parte.

No Estádio João Cardoso, o jogo começou equilibrado, mas o Benfica foi mais feliz, com um golo aos 19 minutos, por Ferro, de cabeça, sem tirar os pés do relvado, após um canto marcado na esquerda pelo espanhol Grimaldo.

A equipa da casa criou oportunidades, mas o resultado manteve-se inalterado, com uma segunda parte cinzenta e sem grandes ocasiões de golo dos dois lados.

O Benfica, com Taarabt e Gabriel no meio campo, apresentou-se na casa do Tondela com Pizzi mas, sem o lesionado Rafa e com André Almeida em vez de Tomás Tavares na lateral direita, em comparação com o jogo para a Liga dos Campeões, frente ao Lyon.

Foi dos pés de Pizzi que surgiu o primeiro sinal de perigo da equipa da Luz, aos dois minutos, e André Almeida, na direita, ia criando algumas situações de perigo com passes rasteiros para a grande área dos viseenses, mas sem ninguém para dar consequência.

A primeira grande oportunidade do jogo surgiu do lado da equipa da casa, aos nove minutos, com Murillo, na sequência de um contra-ataque rápido, a libertar para Denilson, que, isolado na grande área, rematou para uma defesa apertada de Vlachodimos.

Logo de seguida, foi o extremo Xavier a rematar fora da área para outra boa defesa do guarda-redes internacional grego.

Apesar dos sinais positivos do Tondela, que procurava jogar de igual para igual, foi o Benfica a chegar ao golo, aos 19 minutos, na sequência de um canto marcado por Grimaldo, com o jovem central Ferro a cabecear com êxito.

Durante o resto da primeira parte, não se registaram grandes oportunidades, apesar de o Tondela mostrar-se sempre destemido, a pressionar a equipa visitante e a procurar aproveitar os erros e perdas de bola do setor defensivo do Benfica.

Denilson ainda tentou aproveitar um desses erros, mas rematou sem força e para as mãos de Vlachodimos, antes do final da primeira parte.

O Benfica começou a segunda parte com dificuldades em construir jogo, perante um Tondela a continuar a pressionar alto e a conseguir impedir a equipa treinada por Bruno Lage de sair a jogar.

Apesar disso, não surgiram grandes oportunidades, quer para a equipa da casa quer para os visitantes, numa segunda metade do jogo cinzenta e morna.

Redes Sociais - Comentários

Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Back to top button

Close
Close